Basquete: Sérvia resiste reação croata, e avança à semifinal olímpica

Em um confronto de muita tensão na Arena Carioca 1, a Sérvia eliminou a Croácia do torneio de Basquete da Olimpíada do Rio de Janeiro na noite desta quarta-feira (17), ao vencer a partida de quartas de final por 86 a 83. Com a vitória, a atual vice-campeã do mundo fará uma das semifinais contra a Austrália, na próxima sexta-feira.

Leonardo Marson
Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.

Crédito: A Sérvia levou a melhor no clássico dos Balcãs. (Foto: reprodução/Twitter)

LEIA MAIS:
EUA sofrem no início, mas batem a Argentina
Com Mirotic imparável, Espanha elimina França no Basquete
Austrália não dá chances a Lituânia, e vai à semifinal da Olimpíada

Após uma primeira metade de partida das mais equilibradas, a Sérvia conseguiu abrir vantagem no terceiro período, e mesmo com a aproximação da Croácia nos dez minutos finais, os sérvios conseguiram se manter na liderança do tempo todo, garantindo a classificação.

Bodan Bogdanovic foi o maior pontuador da Sérvia na partida, com 18 pontos, enquanto Teodosic marcou nove pontos, mas deu dez assistências. Markovic, Raduljca e Jokic marcaram 12 tentos cada. Pelo lado croata, Bojan Bogdanovic marcou 28 pontos, enquanto Hezonja marcou 16 pontos e capturou oito rebotes.

Além do confronto entre sérvios e australianos, a Olimpíada terá ainda o jogo entre Estados Unidos e Espanha.

Confira como foi o jogo

A partida começou com um grande equilíbrio entre as duas equipes, com os sérvios tomando a liderança do placar com cestas de Milan Macvan e Nikola Jokic, abrindo cinco pontos. A Croácia, porém, não permitiu que a vantagem passasse disso, e com uma bola de três de Bojan Bogdanovic, a diferença em favor dos sérvios terminou o primeiro período em apenas um ponto.

A reação iniciada ao final da parcial que abriu a partida se consolidou no segundo quarto, quando Bogdanovic acertou um arremesso de três pontos quando restavam seis minutos para o término do primeiro tempo. O time croata seguiu com a vantagem no placar até o intervalo da partida, quando o placar apontava 38 a 32.

A Sérvia voltou para a metade final do confronto fulminante, e em apenas três minutos, tomou a liderança no placar graças a uma cravada de Raduljca. Os vice-campeões mundiais se aproveitaram de uma equipe croata apagada e dispararam, terminando o terceiro quarto vencendo por 66 a 52.

Os dez minutos finais do confronto foram de muita tensão, com a Croácia descontando a vantagem aberta pelos sérvios, que passaram a perder jogadores com cinco faltas cometidas. A distância caiu para apenas um ponto, e as duas equipes passaram a trocar faltas, buscando evitar gastar tempo. Apesar da aproximação, os croatas não foram capazes de virar o jogo. Melhor para a Sérvia, que comemorou a vitória.

Foto: reprodução/Twitter