Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Galvão Bueno DETONA Neymar e desabafa após empate da seleção brasileira

O Brasil decepcionou sua torcida mais uma vez. Neste domingo a equipe comandada pelo técnico Rogério Micale ficou no empate sem gols com a seleção do Iraque e agora precisa de uma vitória contra a Dinamarca, líder do grupo, para garantir uma vaga na próxima fase dos Jogos Olímpicos. Após a partida, o narrador Galvão Bueno criticou a postura de Neymar e denotou a seleção pelo futebol apresentados nas duas partidas.

Danielle Barbosa
Jornalista. Escrevendo para o Torcedores desde 2014.

Crédito: Crédito da Foto: Reprodução/TV Globo

LEIA MAIS:
Galvão Bueno ‘esnoba’ feitos de Bolt e é repreendido por Glória Maria
Ginasta britânica cai sobre o pescoço, mas se recupera e volta para competição
‘Fora Temer’: argentina desabafa após ser alvo de montagens: “Decepcionada”

Durante a partida o narrador não poupou criticas ao Neymar, principal estrela do Brasil e capitão do time. Ainda no 1º tempo, o jogadores do Brasil se envolveram em uma confusão com os jogadores adversários, e neste momento Galvão Bueno perguntou “onde está o capitão do time pra parar com essa confusão, cadê o Neymar?”, o comentarista Casagrande não exitou em responder. “Ele é o primeiro a entrar na confusão.”

Após a partida, Galvão Bueno criticou a postura dos jogadores, principalmente dos mais experientes – Neymar, Renato Augusto e Weverton – que se recusaram a falar com a imprensa. “As milhões de pessoas que estão em casa tem o direito sim de ouvir o seu ídolo, aquele que joga com a camisa da seleção. É uma falta de respeito. É feio, não é profissional e não é ético. Uma vergonha”, disparou o narrador usou o exemplo de Novak Djokovic melhor tenista da atualidade, que foi eliminado na primeira fase das Olimpíadas e deixou a quadra chorando.

Galvão ainda encerrou a transmissão avisando. “Quarta-feira tem que ganhar!”

E como não poderia ser diferente o desabafo de Galvão Bueno virou assunto nas redes sociais.