GSP pede por ‘luta que o eleve’ em seu retorno ao MMA

A volta de Georges St-Pierre ao MMA ainda não está oficialmente confirmada e nem se já existe um adversário pronto para enfrentá-lo. E ‘GSP’ parece não estar com muita pressa para acertar o seu futuro no MMA, preferindo esperar por uma luta que seja significativa para sua carreira.

Victor Martins
Um homem que acredita ser jornalista, escritor e 'chato'. Decidam vocês qual será a opção escolhida.Formado na Universidade Metodista de São Paulo. No Torcedores desde 2016 ou algo parecido.

Crédito: Crédito da foto: Reprodução/Instagram oficial do Georges Saint-Pierre

LEIA MAIS

JON JONES É PROCESSADO POR CAUSA DO UFC 200. ENTENDA!

Ao site ‘Uproxx’, o canadense não quis ‘escolher’ um possível rival e declarou que espera algo que o ‘eleve’ para aceitar o desafio de retomar a vida no mundo das lutas, interrompida com seu afastamento anunciado no ano de 2013.

“Tenho 35 anos de idade. Quero escolher a melhor luta, a luta mais empolgante e a que me eleve e que faça com as pessoas se lembrem de mim para sempre. Os caras que preciso enfrentar para isso, eu preciso levar em consideração. Sim, tive o cinturão (dos meio-médios do Ultimate) por muito tempo, mas não importa se (a luta) for ou não pelo cinturão. Quero uma luta que vá me elevar”, declarou St-Pierre segundo o Combate.

A volta de GSP ao UFC foi especulada nas últimas semanas, desde que foi reportado na imprensa especializada que o canadense teria se inscrito para participar do programa de antidoping da Agência Antidopagem dos Estados Unidos (USADA), parceira do Ultimate. Outras informações apontam que seu retorno pode acontecer no UFC 206, em Toronto (CAN), contra Nick Diaz.

 

(Crédito da foto: Reprodução/Instagram oficial do Georges Saint-Pierre)