Jogos Olímpicos: Com Mirotic imparável, Espanha elimina França no Basquete

A Espanha garantiu classificação para a fase de semifinal do torneio de Basquete Masculino dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. Com uma grande atuação de Nikola Mirotic, os atuais medalhistas de prata nas duas últimas edições das Olimpíadas não tomaram conhecimento da França, vencendo por 92 a 67, em partida realizada nesta quarta-feira (17), na Arena Carioca 1.

Leonardo Marson
Jornalista com passagens pelas revistas Racing e House Mag.

Crédito: Nikola Mirotic liderou grande atuação espanhola contra a França. (Foto: divulgação)

LEIA MAIS:
Austrália não dá chances a Lituânia, e vai à semifinal da Olimpíada

O jogo, uma reedição do conturbado confronto nas quartas de final dos Jogos de Londres, quatro anos atrás, prometia ser dos mais equilibrados, mas o que se viu na capital fluminense foi um verdadeiro passeio da equipe campeã europeia ao longo dos 40 minutos de confronto, vencendo as quatro parciais da partida desta tarde.

Dono de 23 pontos, Mirotic acertou cinco de seus sete arremessos de três pontos, ajudando a Espanha a terminar o confronto com um aproveitamento de 36% neste tipo de chute. Os franceses até tiveram um desempenho superior neste quesito, com 43% de acertos, mas arremessaram apenas 14 vezes, acertando seis bolas, enquanto os espanhóis acertaram dez bolas em 28 tentativas.

Além de Mirotic, a Espanha viu Willy Hernángomez marcar 18 pontos, enquanto Sergio Llull fez dez tentos. Pau Gasol apanhou cinco rebotes, e Juan Carlos Navarro e Ricky Rubio deram cinco assistências cada. A França viu Tony Parker ser o maior pontuador do time, com 14 pontos. Rudy Gobert apanhou 12 rebotes, e Boris Diaw passou cinco bolas para cestas de seus companheiros.

Com a vitória, a Espanha espera agora o vencedor da partida entre Estados Unidos e Argentina, marcada para 18h45, também na Arena Carioca 1.

Confira como foi o confronto

O primeiro quarto teve início com a França abrindo quatro pontos, mas a Espanha, se valendo do ótimo aproveitamento de arremessos de três, tomou a liderança do placar, e chegou a abrir sete pontos. Nos minutos finais da parcial, os franceses conseguiram descontar a vantagem espanhola para apenas três pontos.

Após a França reduzir a diferença para um ponto, a Espanha conseguiu uma corrida de oito tentos seguidos, contando com mais bolas de três de Nikola Mirotic e de Sergio Llull. Com os arremessos longos, os atuais campeões europeus abriram 13 pontos, vantagem que seguiu até o encerramento do segundo período.

Mirotic seguiu impecável nos arremessos de longa distância, e viu ainda Sergio Llull e Ricky Rubio – que foi substituído com três faltas, ajudarem a Espanha a disparar no placar, mesmo com Rudy Gobert e Boris Diaw conseguindo bolas de três pontos. Ao final da terceira parcial, os espanhóis apareciam com 20 pontos de vantagem.

A França começou o último período com o time reserva em quadra, e os espanhóis se aproveitaram para ampliar ainda mais a diferença, que em dois momentos alcançou os 30 pontos. Aí a Espanha apenas esperou o tempo passar para garantir mais uma vitória nos Jogos Olímpicos, avançando para a semifinal.

Foto: divulgação