Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Olimpíadas: Comitê Rio 2016 anuncia leilão de relíquias usadas nos jogos

As Olimpíadas ainda não acabaram, mas o Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos Rio 2016 já inaugurou um site oficial onde realiza leilões de materiais utilizados no Rio de Janeiro. Lançado no dia 5, www.leilaooficial.rio2016.com coloca bolas, luvas e tochas à disposição para lances,

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: Reprodução/Rio 2016

LEIA MAIS:
VÔLEI FEMININO: CONFIRA OS CONFRONTOS DAS SEMIFINAIS

Quer levar pra casa a tocha que Vanderlei Cordeiro de Lima acendeu a pira olímpica? Ou então a bandeira que Yane Marques carregou durante a cerimônia de abertura? Desde o dia 5 de agosto o torcedor ou fã dos esporte olímpicos pode dar seu lance e levar uma dessas relíquias para casa.

Reprodução/Rio 2016

Reprodução/Rio 2016

A iniciativa do Comitê é totalmente inovadora. A ideia foi lançada em Vancouver 2010, mas pela primeira vez o site será aberto para compradores do mundo todo. Antes, apenas moradores do país sede podiam dar lances.

“A ideia é oferecer a todos a oportunidade de guardar um pedaço da história”, disse John Curleigh, responsável pela página. O dinheiro arrecadado será destinado ao Comitê Rio 2016. Segundo o canadense, o site ajuda os jogos acontecerem.

E não são poucos os materiais disponibilizados online. Além da tocha que passou pelas mãos de Vanderlei, réplicas oficiais e das bandeiras carregadas na abertura, o site oferece bolas e luvas utilizadas nos jogos das mais diversas modalidades, algumas com autógrafos dos atletas.

A bandeira carregada por Yane Marques se encontra na seção dos objetos mais populares. Com mais de 61 lances dados, o maior valor oferecido até o momento foi de R$ 6.005,00. A tocha que acendeu a pira olímpica já ultrapassa R$ 12 mil. As datas limites dos lances variam de acordo com o produto.

VEJA TAMBÉM:
VÍTIMA DE RACISMO SOBRE NORY: ‘QUE SEJA MEDALHISTA TAMBÉM FORA DO TABLADO’
“PROVAMOS QUE NOSSAS VITÓRIAS NÃO SÃO CASOS ISOLADOS”, DIZ TÉCNICO DO HANDEBOL MASCULINO DO BRASIL