Olimpíadas: Matine Grael afirma “Não queria ser platéia nos Jogos Rio 2016”

As campeãs olímpicas da da classe 49er FX da Vela, Martine Grael e Kahena Kunze, concederam entrevista coletiva na manhã desta sexta (19/08), para falarem sobre o ouro conquistado. Martine Grael disse o quanto estava focada na vitória. “Sai de Londres determinada! Não queria ser platéia nos Jogos Rio 2016”, afirmou a velejadora.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: Crédito: Reprodução/Twitter oficial Time Brasil

LEIA MAIS:

Olimpíadas: Brasil é ouro na vela e vira-meme entre os internautas
Após ouro na vela, brasileiras são carregadas dentro do barco pela torcida

Kahena revelou que, apesar delas treinarem na Baía de Guanabara, elas não começaram a prova tão bem. “Entramos na prova de ontem como se a Baía de Guanabara fosse um cenário desconhecido”, afirmou Kahena. Matine relatou o foco dela durante a prova. “Penso muito pouco durante a regata. Todo mundo desaparece”, contou a atleta.

Kahena ainda disse como foi a preparação para os jogos olímpicos. “Desde o primeiro dia que nossa classe entrou no programa olímpico, começamos a treinar”, afirmou Kahena.

O pai de Matine, Torben Grael, que também é velejador, esteve presente na coletiva e disse como está orgulhoso da filha. “A conquista da medalha de ouro por um filho é mais emocionante”, afirmou Torben. Grael também falou do diferencial da dupla. “As duas são muito competitivas e isso ajuda a lapidar as qualidades de cada uma”, disse Torben.