Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Poupar jogadores? Zé Ricardo revela planejamento para jogo contra o Figueirense

Após vencer a Chapecoense fora de casa e assumir a vice-liderança do Campeonato Brasileiro, o Flamengo tenta reverter o placar da primeira partida contra o Figueirense (derrota por 4 a 2) e se classificar na Copa Sul-Americana. O técnico Zé Ricardo respondeu se tem a intenção de poupar novamente jogadores.

Allan Abi Madi
Colunista do Torcedores.com.

Crédito: Foto: Eduardo Valente

LEIA MAIS:
Campeão da Copinha, Cafu está próximo de ser emprestado pelo Flamengo
Bandeira fala sobre chance de reforços e prevê elenco do Fla mais qualificado em 2017
Tite cita jogador do Flamengo como um dos que poderia estar na lista dos convocados
Felipe Vizeu revela inspiração em Romário e Ronaldo e idolatria por Guerrero

 

– Não tem que poupar ninguém. Agora o planejamento terminou nesse jogo contra a Chapecoense porque não teremos partida no fim de semana. Quem estiver disponível, em condição e saúde, nós vamos colocar dentro da estratégia que vamos montar a partir de amanhã para reverter o quadro.

O treinador falou novamente sobre o planejamento para partida contra o Figueirense e elogiou o adversário, que venceu o Santos na Vila Belmiro, pelo Brasileirão.

– As pessoas costumam rotular time principal e time alternativo. O que aconteceu foi um planejamento feito há bastante tempo com direção, comissão técnica e jogadores porque tivemos uma sequência de quatro jogos difíceis, e existia a certeza de que poderíamos fazer bons jogos com qualquer formação. Na quarta que vem é outro quadro, no fim de semana não tem jogo pelo Brasileiro. No primeiro jogo contra o Figueirense atuaram atletas que vinham sendo titulares até pouco tempo e outros que jogam sempre. Foi uma grande partida do Figueirense, que confirmou o bom momento vencendo o Santos na Vila Belmiro. Vai ser uma partida difícil, mas vamos fortes para reverter a situação.

 

Confira outros trechos da coletiva de Zé Ricardo após o jogo contra a Chapecoense:

 

– VITÓRIA CONTRA A CHAPECOENSE:

Aqui dentro é sempre muito difícil jogar. Se não me engano, a Chapecoense só perdeu um jogo aqui, que foi contra o Corinthians. Nós conseguimos fazer um início de jogo bom. Controlamos boa parte das ações, fizemos um gol. Depois recuamos em demasia, demos campo para a equipe da Chapecoense. Eles estavam trabalhando com cinco homens por dentro e confundindo um pouco a nossa marcação. Nós sofremos um pouquinho. No segundo tempo nós equilibramos as ações e tivemos o mérito de aproveitar as chances.

 

As melhores notícias de esportes, direto para você

 
Brasileirão

Foto: Divulgação/Site Oficial do Flamengo

 

– DIEGO:

Qualidade técnica eu sabia que ele tem sobra. Como não o conhecia pessoalmente, existia a dúvida de como ele chegaria em relação ao grupo e como se engajaria ao grupo de forma rápida. Para a nossa surpresa ele se enturmou de forma muito natural e intensa com o grupo. Então o resultado não poderia ser diferente para que o Diego colocasse toda a qualidade que tem para fora.

 

Foto: Márcio Cunha / Mafalda Press

Foto: Márcio Cunha / Mafalda Press

 

– FLAMENGO NA BRIGA PELO TÍTULO BRASILEIRO:

Ainda é muito cedo. Claro que trabalhando jogo a jogo e cada rodada ficando no G-4 a gente alimenta esse sonho, mas ainda é cedo para falar isso. Ainda faltam muitas rodadas, muitos jogos contra grandes adversários, e estamos sujeitos a problemas que todo time tem, como cartões e contusões. Então nós estamos nos preparando da melhor maneira possível para todos os jogos.

 

– GUERRERO E LEANDRO DAMIÃO JUNTOS:

A Chapecoense é bem montada, criou muitas dificuldades, e nós já vínhamos imaginando uma formação com Paolo e Damião juntos. Quanto mais qualidade no campo, mais possibilidades você tem de vencer. Mas é uma estruturação de jogo diferente. Antes de tudo é preciso condicionar movimentos e posicionamento dos atletas. Mudar uma estrutura de jogo de um dia para o outro não é muito fácil, pelo menos eu penso assim. Primeiro estamos trabalhando como situação de jogo e depois, quem sabe, com uma sequência de treinos e jogos dando mais confiança, até podemos estabelecer isso para uma partida inteira. Mas a princípio estamos usando como uma alternativa, e deu certo. Pode ser que um dia não dê. Chegamos a usar isso cinco, 10 minutos contra o Sport e não conseguimos empatar a partida. Mas o fato é que contra a Chapecoense que deu certo.

 

Foto: Márcio Cunha / Mafalda Press

Foto: Márcio Cunha / Mafalda Press

 

– DAMIÃO ÚNICA OPÇÃO (GUERRERO E VIZEU – SUB20 – SE APRESENTAM NAS RESPECTIVAS SELEÇÕES)

Ele foi poupado na quarta-feira porque saiu do jogo contra o Grêmio com cãibra nas duas pernas e com dificuldade até de subir para o vestiário. Ele ficou muito tempo parado, e apesar dos jogos-treinos que fez, sentiu a parte física. Não queríamos perde-lo, até por saber que a partir de amanhã estamos sem Vizeu e Guerrero. Isso fez parte do planejamento, e conseguimos parcialmente cumprir o objetivo vencendo a Chapecoense. Agora vamos tentar reverter esse difícil quadro, mas que não vejo como impossível, na próxima quarta em Cariacica.

 

Assista os melhores momentos da vitória do Flamengo diante da Chapecoense (3 a 1):

 

 

http://www.youtube.com/watch?v=JmEGQ6HlLpM

 

CONFIRA AINDA 4 ESPECIAIS FEITOS PELO TORCEDORES.COM:

Brasileirão gringo! Veja os estrangeiros contratados no fim da janela

LIVRES!!! 19 jogadores que ficaram SEM contrato em Junho e podem ser bons reforços  

25 jogadores que estão na Europa e poderiam atuar no Brasileirão

Confira uma equipe escalada, de 1 à 11 apenas com reforços “disponíveis” para seu time no Brasileirão

Foto: Divulgação

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: Allan Abi Madi – @allanmadi