GUIA NFL 2016: Baltimore Ravens

A partir desta quinta-feira (08/09), começa a nova temporada da NFL. São 32 times separados em duas divisões na briga pelo tão desejado título do Superbowl. O Torcedores.com preparou um guia completo falando um pouco mais dos 32 times. Você saberá o que mudou em relação ao ano passado, quem saiu, quem chegou e as expectativas de cada time para a temporada. Neste texto, falaremos um pouco sobre o Baltimore Ravens. Confira.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

LEIA MAIS:
GUIA NFL 2016 – ANÁLISE DOS 32 TIMES

 

Por Caio Lisoni e Rafael Freitas

 

BALTIMORE RAVENS

Fundação: 1996

Títulos de Superbowl: 2 (2000 e 2012)

Rivais de divisão: Cincinnati Bengals, Cleveland Browns, Pittsburgh Steelers,

 

Como foi em 2015?

Muito mal em virtude das lesões que assolaram o time o ano inteiro, tanto no ataque quanto na defesa. Isso e o fato de jogar numa divisão com dois bons times, fez o Baltimore Ravens ter uma das suas piores temporadas nos anos recentes com apenas 5 vitórias e 11 derrotas.

 

O que funcionou/ o que não funcionou no time em 2015?

22 jogadores no departamento medico resumem o fracasso da temporada do Baltimore Ravens em 2015. Jogadores importantes como o quarterback Joe Flacco (foto), o outside linebacker Terrell Suggs e o running back Justin Forsett foram alguns que perderam jogos e derrubaram o desempenho do time no ano. O ataque da equipe esteve entre os piores da liga com media de 20,5 pontos por jogo, muito em função da lesão de Flacco e de seu reserva Matt Schaub não ter tido o entrosamento necessário com o restante do elenco. A linha ofensiva, uma das piores da NFL, também pouco ajudou.  Mesmo com todo o transtorno causado pelas lesões. o destaque ficou com a defesa, que continuou sendo umas das 10 melhores da liga em matéria de jardas cedidas.

 joe flacco

 

Quem saiu e quem chegou para 2016?

Kelechi Osemele, o melhor jogador da fraca linha ofensiva dos Ravens, deixou o time e foi para Oakland. Na defesa, a principal perda foi o o linebacker Darryl Smith, agora em Tampa Bay. A franquia investiu no safety Eric Weddle vindo de San Diego, no bom tight end Benjamim Watson e na incógnita que é o wide receiver Mike Wallace.

 

O que esperar em 2016?

Caso os jogadores que vem de lesão voltem bem nesse ano, é possível que a franquia consiga ter um uma temporada muito melhor do que o que teve em 2015 Um ataque com Joe Flacco, Justin Forsett, Steve Smith, Mike Wallace e Benjamin Watson pode dar boas dores de cabeça aos adversários. Na defesa, Terrell Suggs (foto) volta após ter perdido o ano inteiro de 2015 e deve liderar um grupo não tão dominante quanto a de anos anteriores, mas ainda assim muito perigoso e que conta com bons jogadores como Elvis Dummervill e Laderius Webb. O técnico campeão do Superbowl Jon Harbaugh segue sendo um dos melhores da NFL. A linha ofensiva, apesar do reforço de Rooney Stanley vindo através do draft 2016, deve continuar sendo o principal problema da equipe. No papel, o Baltimore Ravens está um pouco atrás de Cincinnati e Pittsburgh na luta pela divisão, mas um calendário mais fácil e o fato de sempre engrossar jogos para os dois maiores rivais, não descartam os Ravens por uma luta de volta aos playoffs.

terrell sugs