GUIA NFL 2016: New Orleans Saints

A partir desta quinta-feira (08/09), começa a nova temporada da NFL. São 32 times separados em duas divisões na briga pelo tão desejado título do Superbowl. O Torcedores.com preparou um guia completo falando um pouco mais dos 32 times. Você saberá o que mudou em relação ao ano passado, quem saiu, quem chegou e as expectativas de cada time para a temporada. Neste texto, falaremos um pouco sobre o New Orleans Saints. Confira.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

LEIA MAIS:
GUIA NFL 2016 – ANÁLISE DOS 32 TIMES

 

Por: Rafael Freitas e Caio Lisoni

New Orleans Saints
Fundação: 1967
Titulos de Superbowl: 1 (2009)

 

Como foi em 2015?

Os Saints tiveram um ano com muitos altos e baixos, o que refletiu em uma campanha com 7 vitorias e 9 derrotas. O quarterback Drew Brees, a grande estrela da franquia, foi mais uma vez o líder de jardas aéreas da liga com 4870 jardas, mas que não foram suficientes para levar o time a algum lugar

O que funcionou em 2015 o que não funcionou no time em 2015?
o quarterback Drew Brees (foto), sem dúvidas, foi o destaque da equipe beirando as 5000 jardas passadas e lançando apenas 11 interceptações. Tentou, do jeito que deu, consertar as grandes besteiras cometida pela defesa que mais cedeu pontos na NFL e a segunda que mais cedeu jardas em 2015. É raro ver o segundo melhor ataque da NFL ficar fora da pós-temporada. Porém, graças ao péssimo desempenho defesivo, o New Orleans Saints, sempre dominante na divisão sul da NFC, foi apenas coadjuvante. Quem pagou o pato foi o coordenador defensivo Rob Ryan, demitido ao final do ano.

drew brees

Quem saiu e quem chegou para 2016?

Drew Brees sentirá falta de um de seus recebedores mais confiáveis em New Orleans: Marques Colston deixa o time após muitos anos e muitos recordes conquistados com a franquia. Outros dois veteranos também saíram: Jahri Evans, guard, e o linebacker Ramon Umber, que estava junto com o time desde 2010. De reforços relevantes, chegaram o tight end Cobey Fleener e o defensive tackle Nick Fairly.

 

O que esperar em 2016?

O torcedor do New Orleans Saints não espera nada menos que uma volta da equipe aos playoffs, algo que não acontece desde 2013. Para isso, a equipe terá que solucionar seus problemas defensivos, que são muitos. Para começar, deverá haver uma melhora significativa dos jogadores da linha defensiva; Conseguir mais sacks e colocar mais pressão nos quarterbacks adversários ajudaria bastante, principalmente por tirar um pouco da pressão sob a (boa) secundária  Um bom passo foi a escolha de um defensive tackle de qualidade no draft 2016. Sheldon Rankins era uma das melhores opções e pode dar uma nova cara ao time de New Orleans. Ele pode fazer uma boa dupla ao lado do melhor jogador defensivo do Saints: Cameron Jordan, líder em sacks em 2015. O recém-chegado Nick Fairley já foi escolha de primeira rodada, mas sempre rendeu abaixo do esperado.Se for bem, o grupo de pass rushers estará bem superior ao do ano passado.

No ataque, apesar da perda da maior referência apra passes, o Saints trouxe um bom wide receiver no draft que deve ter boa conexão com Drew Brees que ainda tem Brandon Cooks como boa opção. A linha ofes, uma das 10 melhores em sacks cedidos permanece forte, com o bom center Max Unger e o melhor bloqueador do time Terron Armstead. Cobey Fleeney preenche o espaço deixado por Jimmy Graham e o único problema do ataque do Saint fica  com os running backs

O Carolina Panthers atualmente é melhor que o New Orleans Saints e que os outros times da divisão e dificilmente não levará o título. Para conseguir uma vaga no wild card, teria que passar por difíceis adversários devido aos adversários  por conta do difícil calendário.