GUIA NFL 2016: New York Giants

A partir desta quinta-feira (08/09), começa a nova temporada da NFL. São 32 times separados em duas divisões na briga pelo tão desejado título do Superbowl. O Torcedores.com preparou um guia completo falando um pouco mais dos 32 times. Você saberá o que mudou em relação ao ano passado, quem saiu, quem chegou e as expectativas de cada time para a temporada. Neste texto, falaremos um pouco sobre o New York Giants. Confira.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

LEIA MAIS:
GUIA NFL 2016 – ANÁLISE DOS 32 TIMES

NEW YORK GIANTS

fundação: 1925

tíitulos de Superbowl: 4 (1986, 1990, 2007, 2011)

rivais de divisão: Dallas Cowboys, Philadelphia Eagles e Washington Redskins

 

Como foi em 2015?

A campanha de 6 vitórias e 10 derrotas em 2015 e a pior defesa da NFL marcaram a última temporada do técnico Tom Coughlin após 11 anos no comando do time nova-iorquino. Para o seu lugar, o antigo coordenador ofensivo Bob Mcadoo foi escolhido como substituto.

 

O que funcionou/ O que não funcionou em 2015?

Pouca coisa funcionou em 2015. A defesa foi a pior da NFL, o time não conseguiu correr bem com a bola, a linha ofensiva pouco ajudou e o time teve que lidar com lesões importantes, como as de Victor Cruz e Jason Pierre Paul, ausente por alguns jogos da temporada. Apesar disto tudo, os Giants tiveram alguns bons momentos no ano passado principalmente no ataque. Eli Manning (foto) mostrou que ainda está em forma e teve um ótimo ano passando a bola. Isso só foi possível graças ao excelente grupo de wide receivers, liderado pelo extraordinário Odell Beckham Jr.

eli manning

 

Quem saiu e quem chegou para 2016?

Para melhorar a terrível defesa de 2015, o time gastou muito dinheiro em jogadores no período de free agency e trouxe três dos melhores defensores da NFL. Damon Harris é um dos melhores defensive taclkes, Janoris Jenkings um dos melhores cornerbacks e Olivier Vernon (foto), homem que custou 85 milhões de dólares ao time, é um jovem defensive end com muito potencial. A primeira escolha do draft 2016 também foi para reforçar defesa: O corneback Eli Apple chega e deve ter impacto imediato na equipe. A maior perda foi a do defensive end Robert Ayers. Saíram também o bom, porém sempre lesionado cornerback Prince Amukamara e o wide receiver Ruben Randle, ofuscado pelos outros wide receivers do time.

olivier vernon

 

O que esperar em 2016?

Bob Macadoo não tem nenhuma experiência como treinador principal o que coloca a campanha do New York Giants como uma grande incógnita. Porém, o técnico recebeu grandes reforços no setor defensivo, o mais carente do time, e se conseguir implantar um bom esquema, o time tem tudo para ir bem. Com Tony Romo, quarterback dos Cowboys, fora de ação pela primeira parte da temporada, os Giants aparentam ser, no papel, como o melhor time da divisão, principalmente pelo excelente ataque comandado por Eli Manning, Odell Beckham Jr (foto) e bons outros recebedores e tight ends. O time ainda conta com a volta do wide receiver Victor Cruz, lesionado em 2015. Se estiver saudável, formará uma dupla infernal às defesas ao lado de Odell.

Odell

A linha ofensiva do time e os running backs ainda parecem ser o grande problema do New York Giants (isso se as astronômicas contratações defensivas funcionarem). O running back Rashad Jennings foi o único que conseguiu se firmar no ano passado e é uma das grandes apostas esse ano. Entretanto, não teve números espetaculares e não contribuiu muito com Eli, assim como a linha ofensiva, pouco reforçada. Se o time enfrentar uma defesa boa que pressione Eli Manning, o time poderá ter problemas.

Na divisão mais fraca da NFC em 2015, os Giants veem no início da temporada o Washington Redskins como principal rival. O Dallas Cowboys também estaria no bolo, mas perderá novamente o quarterback Tony Romo por alguns bons jogos.