GUIA NFL 2016: veja como o Los Angeles Rams vem para a temporada

A partir desta quinta-feira (08/09), começa a NFL 2016. São 32 times separados em duas divisões na briga pelo tão desejado título do Super Bowl. O Torcedores.com preparou um guia completo, falando um pouco mais dos 32 times. Você saberá o que mudou em relação ao ano passado, quem saiu, quem chegou, e as expectativas de cada time para a temporada. Neste texto, falaremos um pouco sobre o Los Angeles Rams. Confira:

Rodrigo Nascimento
Colaborador do Torcedores.com, amante dos esportes americanos e do automobilismo.

Crédito: Facebook oficial do Los Angeles Rams

LEIA MAIS:

Los Angeles finalmente voltou a ter uma franquia na NFL: o Rams está de casa nova, e espera que os novos ares possam ajudar a equipe a enfrentar os problemas que tanto prejudicam a equipe. O time que deixou Saint Louis de lado para jogar na Cidade dos Anjos, apesar de não ter feito grandes campanhas nas últimas temporadas, sempre teve uma linha defensiva que chamava a atenção e dificultava a vida dos adversários. Tanto é, que na campanha de 2015, na qual ficou em terceiro lugar na divisão com sete vitórias e nove derrotas, ainda assim a defesa do Rams conseguiu ficar em sétimo lugar na classificação geral da liga. Em compensação, o ataque deu muita dor de cabeça e fraquejou em diversos momentos na temporada regular.

Mas se com uma defesa eficiente, a situação do Los Angeles Rams não foi fácil, em 2016 é muito provável que as coisas se tornem um pouco mais difícil. A equipe perdeu alguns jogadores da sua linha defensiva, como Janoris Jenkins e Rodney McLeod, sem falar na perda de dois dos grandes destaques da equipe, Chris Long e James Laurinaitis. Ainda assim, a defesa segue com bons nomes, como o Deffensive Tackle Aaron Donald, o Deffensive End Robert Quinn e o Dimeback Trumaine Johnson. Por conta da crise financeira pela qual passa a franquia, a equipe teve que optar por atletas que possam mostrar mais em Los Angeles do que nas equipes anteriores, como o Defensive End Quinton Coples, e o Cornerback Coty Sensabaugh. O fato é que o time tem noção de que não terá grandes chances nesta temporada, principalmente levando em conta os adversários da divisão, pois Seahawks e Cardinals estão entre as melhores equipes da NFL, enquanto o 49ers não pode ser subestimado, apesar do fiasco que foi em 2015. Por isso, no draft, a nova franquia de Los Angeles optou pelo quarterback Jared Goff, que pode vir a ser um dos principais nomes do time no futuro.

QUEM CHEGOU: para garantir no Draft o quarterback Jared Goff, foi necessário trocar muitas escolhas para garantir a presença do jovem promissor na equipe. E com a dificuldade financeira pela qual o Rams está passando, não houve grandes contratações. Quem chegou ao time de Los Angeles foram o Deffensive End Quinton Coples, que veio do Miami Dolphins como uma boa alternativa para o pass rush, mesmo que não tenha conseguido jogar em alto nível na NFL. Outra contratação em condições semelhantes, foi o Cornerback Coty Sensabaugh, que veio do Tennessee Titans após quatro anos como titular.

QUEM SAIU: as principais perdas do Los Angeles Rams para a nova temporada foram em sua defesa. O Deffensive End Chris Long, após oito temporadas defendendo a ex-franquia de Saint Louis, agora jogará pelo New England Patriots. Outro veterano a deixar o Rams foi o Linebackers James Laurinaitis, que agora defenderá o New Orleans Saints. Por fim, Janoris Jankins e Rodney McLeod, também deixaram a franquia de Los Angeles, o primeiro o New York Giants, enquanto o segundo jogará no Philadelphia Eagles.

EQUIPE: Los Angeles Rams

FUNDAÇÃO: 1937

ESTÁDIO: Los Angeles Memorial Coliseum

TÍTULOS DO SUPER BOWL: 1, em 1999

TÉCNICO PRINCIPAL: Jeff Fisher