Confira jogadores que estão sem contrato e podem ser bons reforços para 2017

Com o Brasileirão entrando na reta final e alguns times longe do ideal, torcedores e certamente dirigentes começam a imaginar as posições e jogadores que poderiam chegar para reforçar sua equipe para próxima temporada Uma das alternativas, e de menor custo, são jogadores sem contrato.

Allan Abi Madi
Colunista do Torcedores.com.

Crédito: Divulgação

LEIA MAIS:
Veja até quando vai o contrato dos jogadores do Flamengo
Veja até quando vai o contrato dos jogadores do Palmeiras
Veja até quando vai o contrato dos jogadores do Corinthians
Veja até quando vai o contrato dos jogadores do Fluminense
Veja os clubes do Brasil com mais jogadores revelados jogando a Champions

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

 

O Torcedores.com selecionou alguns desses jogadores, a maioria com contrato vencido em junho de 2016. Buscamos atletas com maior possibilidade de atuar no futebol brasileiro, por este motivo, não incluímos alguns de renome internacional.

Segundo as regras da Fifa, qualquer jogador pode firmar pré-contrato com um novo clube se estiver nos seis meses finais de vínculo com a sua atual equipe. No caso dos relacionados pelo Torcedores, todos estão livres para assinar contrato desde já.

Veja a lista dividida por posições. Os dados são do site Transfermarkt, especializado no assunto.

 

GOLEIROS:

RUBINHO – O goleiro foi reserva de Buffon nas últimas quatro temporadas e virou terceiro goleiro com a chegada de Neto. Sem ter muitas chances, o ex-jogador do Corinthians não renovou seu contrato e pode optar por retornar ao Brasil se tiver proposta.

 

Rubinho (Juventus-ITA)

Rubinho (Juventus-ITA)

 

 

LATERAIS:

MAICON – Aos 35 anos, o ex-lateral-direito da seleção brasileira começou tendo oportunidades na Roma (ITA), mas acabou no banco de reservas e sem renovar seu vínculo com o time italiano. Com experiência de mais de 12 anos na Europa e tendo conquistado títulos importantes, como a Champions, Maicon pode ser uma boa opção para alguns times brasileiros. O Botafogo chegou a sondar a possibilidade de contratar o atleta, mas acabou desistindo.

 

Mercado da bola

Crédito de imagem: Getty Images

 

ZAGUEIROS:

ALEX – O zagueiro, revelado pelo Santos e com importantes passagens por PSV Eindhoven, Chelsea e Paris Saint-Germain, estava atuando no Milan (ITA), mas não renovou contrato. O nome do jogador é frequentemente é ligado a especulações envolvendo clubes brasileiros, principalmente o Peixe. Aos 34 anos, Alex pode trazer experiência para zaga de algum time brasileiro.

 

Alex no Santos

Alex – Getty Images

 

MARTÍN CÁCERES: O uruguaio de 29 anos atou os últimos cinco anos na Juventus (ITA) e tem em seu ponto forte a versatilidade, atuando muitas vezes de lateral direito. O zagueiro despertou o interesse de alguns clubes europeus, mas acabou não fechando com nenhuma equipe. Uma boa proposta poderia trazer Cáceres para o futebol brasileiro, onde, certamente, seria apontado como solução para defesa dos clubes.

 

Mercado da bola

Reprodução/Instagram

 

MEIO DE CAMPO:

JUSSIÊ – Depois de vários anos atuando na França, com a camisa do Bordeaux, o meia encerrou seu vínculo e poderia ser uma boa opção para criação do meio de campo de algum time brasileiro. O Atlético-PR negociou com o jogador para disputa do Brasileirão, mas o acordo não foi fechado. Aos 33 anos, Jussiê foi campeão brasileiro pelo Cruzeiro em 2003.

 

Mercado da bola

Divulgação/Bordeaux

 

ATACANTES:

KEVIN KURANYI – Brasileiro, o atacante se naturalizou para atuar pela seleção alemã. Aos 34 anos, Kevin não teve uma grande temporada atuando pelo Hoffenheim. Sem contrato, o atleta pode finalmente tentar retornar ao Brasil para disputar um Brasileirão.

 

Foto: Reprodução/Instagram Kevin Kuranyi

Foto: Reprodução/Instagram Kevin Kuranyi

 

 

CONFIRA AINDA:
Brasileirão gringo! Veja os estrangeiros contratados nesse Brasileirão
Thiago Silva entra na lista dos 10 jogadores mais desvalorizados no futebol desde janeiro de 2015
Narrador Luis Roberto conta momento marcante de sua carreira e melhor ataque que viu

 

Foto: Divulgação

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: Allan Abi Madi – @allanmadi