Na NFL, Chargers vence o Broncos no sufoco e respira; Confira lances do confronto

Duelo entre rivais da AFC Oeste no Thursday Night Football da semana 6 terminou com vitória dos donos da casa por 21 a 13. San Diego, que só havia vencido uma partida na temporada, voltou a triunfar após três rodadas; Esta foi a segunda vitória da equipe atuando em casa em 2016. O Denver Broncos perdeu a sua segunda partida consecutiva na competição, a primeira como visitante, e não divide mais a liderança da divisão ao lado do Oakland Raiders. A derrota também colocou um ponto final na sequência de 15 vitórias do Broncos fora de casa contra oponentes da AFC Oeste, um recorde da NFL. 

Marcos Garcia
Jornalista formado pela PUC-PR e apaixonado pelas quatro grandes ligas americanas, além do futebol nacional e internacional.

Crédito: Divulgação/Twitter Oficial da NFL

LEIA MAIS:

Chargers e Broncos abrem a semana 6 da NFL em duelo cheio de rivalidade

NFL: CONFIRA AS MELHORES JOGADAS DA SEMANA 5

COMO FOI O JOGO?

Precisando urgentemente da vitória para se manter vivo na temporada, San Diego fez um primeiro tempo acima da média e dominou o rival. Com maior posse de bola e mais eficiência tanto no ataque quanto na defesa, o Chargers anotou seu Touchdown logo na primeira campanha, em passe de Philip Rivers para o calouro Hunter Henry. O QB aproveitou a ótima primeira etapa na noite de ontem para fazer história e se tornar o número 1 da franquia em jardas aéreas em toda a história, ultrapassando Dan Fouts. Embora não tenha transformado a superioridade em mais touchdowns, os mandantes seguiram impedindo os avanços de Denver e foram para o vestiário sustentando uma sólida vantagem de 9 a 3 no marcador.

O TOUCHDOWN DO TE CALOURO HUNTER HENRY, ABRINDO O PLACAR

O 2º tempo não começou muito diferente do primeiro e os seguidos erros do Broncos afastaram a equipe de uma reação. Melhor para San Diego, que contou com um cirúrgico Josh Lambo acertando todos os 4 Field Goals que tentou para aumentar a vantagem. A defesa, inspirada durante toda a partida, forçou um safety no início do último período e não ofereceu o conforto necessário para Trevor Siemian conectar seus passes. O DE calouro Joey Bosa, em sua segunda partida como profissional na NFL, foi novamente fundamental pressionando o QB e mostrou que está pronto para ajudar San Diego.

O confronto só ganhou em emoção nos minutos finais, quando Denver finalmente anotou seu touchdown em conexão de Siemian e o WR Bennie Fowler. Para se manter viva na jogo, a equipe do Colorado anotou um FG e recuperou um Onside Kick, mas uma falta da linha ofensiva e um fumble sofrido pelo WR Demaryius Thomas já no campo de ataque tornaram a virada quase impossível. O Broncos ainda teve mais uma posse de bola nos 30 segundos finais e foi para o tudo ou nada no Hail Mary, que acabou não sendo bem sucedido.

O TOUCHDOWN ANULADO DE C.J ANDERSON JÁ NOS MINUTOS FINAIS DO JOGO

OS DESTAQUES DO CONFRONTO

San Diego Chargers

QB Philip River: 18/29, 178 jardas, 1 TD, Nenhuma Interceptação
RB Melvin Gordon: 94 Jardas em 27 Corridas
TE Hunter Henry: 83 Jardas, 6 recepções e 1 TD
LB Jatavis Brown: 13 Tackles e 1 Sack

Denver Broncos

QB Trevor Siemian: 30/50, 230 jardas, 1 TD, Nenhuma interceptação
RB Devontae Booker: 46 Jardas em 5 corridas
WR Benny Fowler: 3 Recepções, 22 jardas e 1 TD
LB Von Miller: 6 Tackles e 1 Sack

Próximos Jogos

O San Diego Chargers volta a atuar na semana 7, fora de casa, contra o Atlanta Falcons. O Broncos fecha a rodada contra o Houston Texans, no Monday Night Football, atuando no Colorado.