Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Capitão do Palmeiras em 1994, César Sampaio projeta nova era no Verdão e dispara: “Vejo com bons olhos”

César Sampaio é ídolo no Palmeiras e foi capitão do time campeão Brasileiro de 1994 e agora, o ex-volante do Verdão acompanha a campanha do time Alviverde como torcedor a possível conquista de 2016. O clube está 22 anos sem ganhar o Brasileirão. Em entrevista à Revista Palmeiras na edição de novembro, disponível para sócios, Sampaio elogiou Cuca, com quem jogou em 1992 e destacou o espírito da equipe nesta competição.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: Crédito: Foto: Divulgação/Palmeiras

Leia mais:

EX-CAMPEÃO VISITA PALMEIRAS, RESSALTA ESPÍRITO DO TIME E REVELA CONQUISTA MAIS IMPORTANTE PELO VERDÃO
CASAGRANDE DISPARA SOBRE CHANCES DO PALMEIRAS NO BRASILEIRÃO: “MÃO NA TAÇA”

 

“Esse time do Cuca eu vejo com bons olhos, ele viveu aqui antes, em 1992, inclusive comigo. Sabe como funciona, viveu parte da fila (de 16 anos sem taças), sabe o quanto é importante a cada treino construir algo para externar no jogo. Vejo um grupo que se gosta, que abriu mão do estrelismo para ganhar. Tem um jogador acima da média, o Gabriel Jesus, mas ele se doa para o grupo. Que o Palmeiras consiga ratificar esse título. Pode ser o início de uma nova era”, destacou.

Recentemente, César Sampaio realizou um estágio nas categorias de base do Palmeiras para terminar um trabalho de conclusão de curso de treinadores da CBF. O ex-jogador acompanhou garotos do sub-20 palmeirense e fez palestra motivacional.

” Preparamos um material para eu contar a história da minha vida, foi muito interessante. Esses jogadores estão no processo pelo qual já passei, de autoafirmação. ‘Será que o Cuca vai me dar chance? O que tenho de fazer para aparecer?’, pensam. Esse momento depende muito mais deles. Estão na instituição mais importante do país hoje. É normal ter dificuldade para ser promovido. Por outro lado, se der certo, terão uma projeção enorme”, contou à Revista do Palmeiras.

O ídolo César Sampaio conquistou o Brasileirão duas vezes pelo clube e Paulistão, ambos em 1993-1994, além do Torneio Rio-São Paulo em 1993 e em 2000, e a Taça Libertadores da América em 1999.Em 307 partidas, o ex-volante marcou 24 gols com a camisa do Palmeiras.

 

 

As melhores notícias de esportes, direto para você