Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Déjà-vu: Argentina reencontra Cidade do Galo antes de encarar o Brasil

A esperança de muitos torcedores é que Brasil e Argentina façam um jogo digno da grandeza deste clássico na próxima quinta-feira (10), em Belo Horizonte. Para o duelo, alguns jogadores da Albiceleste estarão de volta a Cidade do Galo, CT de treinamento do Atlético e que traz boas recordações aos argentinos. Este foi o QG da seleção argentina na disputa da Copa do Mundo de 2014.

Ramon Lopes
Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.

Crédito: Divulgação/ AFA

LEIA MAIS:

Messi chega a seu sétimo “hat trick” pela Champions

Na passagem dos bicampeões mundiais na Cidade do Galo, o clima foi de muita concentração, mas também festivo. Durante os 33 dias que ficaram no CT, os argentinos chegaram até comemorar com maior ímpeto depois de garantir vaga nas oitavas de final da Copa do Mundo.

Até o momento, apenas Ezequiel Lavezzi poderá sentir as lembranças daquele momento, afinal, a seleção argentina ainda não se encontra por completo em Belo Horizonte. Inclusive, assim como no Mundial, o momento é bastante especial para o atacante, que retorna ao time após sofrer contusão em jogo contra os Estados Unidos, ainda pela Copa América.

Além de Lavezzi os primeiros a chegar na capital mineira foram o técnico Edgardo Bauza, assim como Ángel Correa, Nahuel Guzman, Guido Pizarro, Emmanuel Mas, Fernando Belluschi e Marcos Acuña. Já no final do domingo (6), Julio Buffarini, Gerónimo Rulli e Ramiro Funes Mori completaram a delegação.

Nesta segunda-feira (7) na parte da tarde, os jogadores da Argentina irão começar os trabalhos preparativos para o grande clássico de quinta-feira(10). A tendência é que mais atletas cheguem ainda hoje, contudo, a grande estrela do time, Lionel Messi, chegará apenas na terça-feira (8), assim como seu compatriota Javier Mascherano, pois ambos estiveram em campo no domingo (6), no jogo do Barcelona contra o Sevilla pelo Campeonato Espanhol.

Os jogadores do Barcelona, como de costume, chegarão  a Belo Horizonte em um jato fretado pela equipe catalã. Por isso, provavelmente, o craque brasileiro Neymar também estará neste voo.

Para o grande clássico, a esperança da torcida e dos jornais argentinos fica por conta de uma possível atuação de Messi. O atleta do Barcelona é sempre vital para o bom funcionamento da seleção, ainda mais agora, com a Argentina vivendo um momento conturbado nas Eliminatórias da América do Sul. No momento, a Albiceleste  se encontra na sexta colocação, lugar insuficiente para conseguir vaga na próxima Copa do Mundo.

Em Belo Horizonte, Messi voltará a pisar na grama do Mineirão, estádio onde ele teve participação fundamental na vitória da Argentina sobre o Irã na Copa de 2014.