Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Ex-Chapecoense, zagueiro da Ponte Preta lamenta tragédia: “Difícil aceitar”

Revelado pela Chapecoense, o zagueiro Douglas Grolli, hoje na Ponte Preta, lamentou profundamente o acidente que vitimou 71 pessoas na Colômbia, entre eles a delegação da Chape, que viajava a Medellín (COL) para jogar a final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional (COL). O jogador recebeu mensagens do pai e da namorada na terça-feira (29) pela manhã sobre a tragédia.

Márcio Donizete
Jornalista desde 2012, com passagens pelos jornais ABCD Maior e Diário do Grande ABC, além do canal NET Cidade de TV. Foi repórter colaborador, líder de colaboradores e editor no Torcedores.com. Apresenta o Lente Esportiva ABC em lives no Facebook e Youtube.

Crédito: Crédito da foto: Fábio Leoni/Ponte Preta

“Fui direto na internet olhar e vi que era verdade. No começo achei que o número de sobreviventes eram as vítimas e só depois me dei conta que apenas cinco tinham se salvado. Passou um filme na cabeça, porque conheço quase todos. É difícil. Foi ali que comecei. Muito acompanharam minha carreira desde que cheguei para fazer teste e foram importantes nessa trajetória. Fico muito triste com essa situação”, explicou o beque, que não vê clima para treinar por conta do ocorrido.

VEJA MAIS
EX-CHAPECOENSE, ZAGUEIRO DA PONTE PRETA LAMENTA TRAGÉDIA: “DIFÍCIL ACEITAR”
EX-ÁGUA SANTA, VOLANTE DA CHAPECOENSE MORTO EM TRAGÉDIA É HOMENAGEADO PELO NETUNO
SÃO CAETANO HOMENAGEIA MÁRIO SÉRGIO, QUE TREINOU O CLUBE EM 2002 E 2003

“Está sendo muito difícil. Pessoas que convivi grande parte do meu início de carreira. Certamente se não fossem por eles eu não estaria aqui. É difícil admitir e aceitar o que aconteceu. Infelizmente aconteceu e agora é torcer para que os familiares, que estão sofrendo ainda mais, consigam ter esse apoio e consigam superar essa dura realidade”, declarou o defensor, que foi liberado pela Macaca para ir a Chapecó se solidarizar às vítimas.

“Vou para Chapecó entre hoje [quarta-feira] e amanhã [quinta-feira]. Queria agradecer a direção da Ponte por disponibilizarem esse pedido. Quero ajudar as pessoas nesse momento. Minha cabeça está um pouco lá também porque foram tantos amigos e tantas pessoas que tinha um carinho especial. Não queria ter que ir para lá nessa situação, mas infelizmente aconteceu. Vou procurar dar força para pessoas que estão precisando mais do que eu”, revela Grolli.

VEM AÍ O PRÊMIO TORCEDORES.COM DE JORNALISMO COLABORATIVO
Prêmio Torcedores.com terá sua 2ª edição em 2016
Conheça os finalistas do prêmio Torcedores.com de mídia esportiva 2016