Milton Leite presta homenagem a Victorino Chermont: “Figura rara”

O grave acidente que vitimou a delegação da Chapecoense na madrugada desta terça-feira não tirou a vida apenas dos jogadores do clube. Além de membros da comissão técnica, dirigentes e convidados, muitos jornalistas estavam no voo que partiu da Bolívia em direção à Medellín. Nomes conhecidos do Fox Sports como Mário Sérgio, Paulo Júlio Clement, Deva Pascovicci e Victorino Chermont não sobreviveram.

Eduardo Caspary
Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Crédito: Foto: Reprodução/Facebook - Milton Leite

Um dos principais repórteres da TV fechada brasileira, Victorino se encaminhava para mais uma cobertura de final de campeonato antes da fatalidade. Ele trabalharia no duelo entre Atlético Nacional e Chapecoense, pela partida de ida da final da Sul-Americana, que foi suspensa pela Conmebol. Pelo Facebook, o narrador Milton Leite prestou uma grande homenagem ao ex-colega com quem trabalhou no SporTV.

LEIA MAIS:

Ex-jogadores da dupla Gre-Nal estavam no voo da Chapecoense

Guto Ferreira relembra jogo contra o River Plate e fala da Chape: “Era especial”

“Não há morte pior ou melhor, todas doem. Mas o choque com a morte do Victorino Chermont beira o absurdo. Ele estava no meu grupo restrito de grandes amigos. Aquelas pessoas pelas quais você corre sempre que preciso, faz qualquer coisa para ajudar, estar próximo. Figura rara, ainda mais nesse meio de tanta vaidade que é a televisão. Colega de anos no SporTV, nos últimos anos nos encontrávamos pouco. Cada um numa empresa, ele no Rio, eu em São Paulo. Raramente no mesmo evento”, revelou Leite em sua rede social.

No final de sua mensagem, o locutor lembra do último encontro com Victorino Chermont, que ocorreu em Porto Alegre nos preparativos para um duelo entre Inter e Atlético-MG pela Copa do Brasil. Segundo Milton, eles chegaram a combinar um almoço, que infelizmente não deu tempo de acontecer.

“Há três semanas estivemos juntos em Porto Alegre, num Inter x Atlético Mineiro pela Copa do Brasil. Trocamos um abraço daqueles que reservamos aos bons amigos. Perguntei pelo Vituzinho, filho dele. Ele quis saber do Ângelo, meu neto. Demos risada, falamos do jogo, ensaiamos combinar um almoço quando eu fosse ao Rio. Não deu tempo. Todos farão falta, mas o Vitu deixará uma saudade doída, porque era uma pessoa rara, dessas que vida coloca no caminho da gente para fazer de nós pessoas melhores. Missão cumprida”, finalizou.

Seis profissionais da FOX Sports, três da TV Globo, quatro da RBS, um do Globoesporte.com, três jornalistas de rádios FM e cinco, de AM, estavam no avião e faleceram junto às demais vítimas. No total, 76 pessoas morreram e apenas cinco sobreviveram, dentre os quais os jogadores Follmann, Alan Ruschel e Neto, além do jornalista Rafael Henzel e de uma comissária. O Torcedores.com seguirá com todas as informações da tragédia ao longo desta terça-feira.

Confira a postagem de Milton Leite: