8 jogadores que irritaram a torcida do Corinthians em 2016

O ano de 2016 não passou nem perto do que a torcida do Corinthians esperava, já que com eliminações precoces e campanha irregular, principalmente no segundo semestre, passou longe de títulos.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: Foto: divulgação/site oficial Corinthians

Depois do desmanche de 2015, onde os principais nomes da equipe foi negociada para a China, a solução foi apostar em novos nomes. No entanto, as peças que chegaram não renderam o que torcida e membros do clube planejavam.

LEIA MAIS:
Veja 10 jogadores conhecidos que disputarão Estaduais 2017 por clubes menores

Por isso, o Torcedores.com fez uma lista de oito jogadores que irritaram a torcida durante a temporada. Confira:

Willians: o volante acertou com o Timão em janeiro, em troca junto ao Cruzeiro com o volante Marciel. Entretanto, não foi um nome que agradou a torcida, principalmente quando entrava no fim das partidas como opção de defesa. Foi afastado do clube após discussão com um torcedor e foi dispensado logo em seguida.

André: chegou para ser o 9 do time e resolver a situação do ataque. Antes mesmo de chegar já causava algumas desconfianças após polêmicas no extra-campo. Suas atuações apagadas e com poucos gols, inclusive o pênalti perdido na Libertadores, o fizeram ser vendido para o Sporting, de Portugal e sair sem conquistar a Fiel.

Bruno Paulo: conseguiu irritar a torcida sem mesmo entrar em campo. Contratado em maio, após o Paulistão, o atacante ainda não conseguiu estrear devido à uma sequência de lesões e cirurgias.

Vilson: o zagueiro já chegou bastante contestado pela torcida corintiana. Hoje ainda segue no elenco como titular, mas não passa a confiança desejada para os torcedores devido algumas falhas pontuais.

Gustavo: veio com fama de artilheiro após passagem pelo Criciúma de muitos gols. Porém, no Corinthians desde setembro, ainda não marcou nenhum e tem grandes chances de ser emprestado para outo clube no ano que vem.

Elias: corintiano assumido e um dos ídolos da história recente do Corinthians deixou a desejar em 2016. Não teve o mesmo desempenho de 2015 e não chegou perto do que mostrou na primeira passagem pelo clube. Além de não demonstrar bom nível técnico e nem muita raça, ainda comparou a torcida do Corinthians a do São Paulo, um dos principais rivais da equipe, em uma entrevista.

Cristian: foi outro que passou longe do que apresentou na primeira passagem pelo clube. Iritou a torcida nessa temporada pela lentidão em campo e atuações irregulares.

Cássio: sem dúvidas foi o pior ano do goleiro com a camisa do Corinthians. Teve falhas em lances simples consecutivas,o que o fez perder a titularidade pela primeira vez desde que assumiu a posição lá em 2012.