Elano fala de planos para carreira após pendurar as chuteiras

Prestes a se aposentar, Elano aponta gol e jogo memoráveis pelo Santos
Ivan Storti/ Flickr oficial do Santos FC

A partir de 2017, Elano não entrará mais em campo para defender o Santos como jogador de futebol, mas terá uma carreira como auxiliar técnico do Peixe a se iniciar. E o ex-meia já tem na cabeça os planos para o começo de sua trajetória fora das quatro linhas.

Em entrevista ao Lance, o agora membro da comissão técnica santista estipulou que pretende ficar algum tempo no cargo e falou que não se vê trabalhando em outros times no começo de sua nova carreira.

LEIA MAIS

LIBERTADORES DE 2018 JÁ TEM SEU PRIMEIRO CLASSIFICADO

DORIVAL JÚNIOR DECIDIRÁ FUTURO DA CARREIRA DE ZECA. ENTENDA!

“No momento, não passa pela minha cabeça trabalhar fora do Santos. Lógico que no futebol a gente não sabe o que vai acontecer. Estou fazendo essa transição, em 2017 serei auxiliar do clube. Enquanto o Dorival (Júnior) estiver aqui, dificilmente vou querer ser o treinador até por respeito a ele. Mas em três ou quatro anos, se conseguir fazer meus estágios e evoluir, e se aparecer essa oportunidade de treinar o Santos, seria gratificante e prazeroso”, declarou Elano.

“Não posso descartar essa situação pela frente. O momento é esse e quero ficar eternamente aqui. Vivo aqui, meus filhos estudam aqui, mas não posso garantir nada porque o futebol é muito dinâmico”, completou.

Elano também confirmou que pretende fazer cursos para aprimorar conhecimentos e também aprender com o trabalho de outros treinadores e dirigentes para conseguir ter um bom futuro no cargo.

“Já falo inglês, mas quero ser fluente. Quero fazer o curso da Uefa e verei sobre esse curso da CBF. Evoluir, procurar aprender, estar perto da Seleção. Ver como está o time do Tite. O (coordenador de seleções) Edu Gaspar é um grande amigo que tenho. Quero aproximar para poder fazer um bom trabalho dentro do clube”, afirmou.

 

(Crédito da foto: Ivan Storti/ Flickr oficial do Santos FC)