Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

ESPN anuncia Luizão, ex-Palmeiras e Corinthians, como novo comentarista

A ESPN anunciou nesta quarta-feira (14) mais um reforço para o seu time de comentaristas: a chegada de Luizão, ex-atacante de Guarani, Palmeiras, Corinthians, Vasco da Gama e São Paulo. A sua estreia está marcada para este domingo (18), no “Resenha ESPN”.

Rafael Alaby
Rafael Alaby é jornalista diplomado pela FIAM (Faculdades Integradas Alcântara Machado), com passagens pela Chefia de Reportagem de Esportes, da TV Bandeirantes, em São Paulo e site KiGOL. Pós-graduado em Jornalismo Esportivo e Negócios do Esporte (FMU)

Crédito: Foto: Divulgação/ESPN

Na nova casa, o ex-goleador terá a companhia de Alex, Amoroso, Djalminha, Fabio Luciano, Raí, Sorín, Zé Elias, Zetti, além do ex-árbitro Salvio Spinola.

VEJA MAIS:
Zenon, ex-Corinthians, critica nível técnico do Brasileirão: “campeão teve nota 6,5”
Arnaldo crítica árbitro de vídeo em pênalti dado no Mundial de Clubes

“Um dos raros artilheiros que agradam todas as torcidas, Luizão já esteve como convidado em nossos programas e é mais um nome que chega para estar entre amigos e contribuir com toda a experiência de uma carreira extremamente vencedora”, destaca João Palomino, Vice-Presidente de Jornalismo e Produção dos canais ESPN.

Revelado nas categorias de base do Guarani, Luizão se destacou pelo Palmeiras em 1996, quando foi campeão paulista. Na sequência se transferiu para a Espanha onde jogou pelo La Coruña nas temporadas de 1997 e 1998, antes de retornar ao Brasil para jogar no Vasco da Gama e conquistar o Campeonato Carioca e a Libertadores da América em 1998. No ano seguinte, também pelo Vasco, conquistaria o Torneio Rio São Paulo.

De volta ao futebol paulista para atuar no Corinthians, Luizão conquistou o Campeonato Paulista (1999 e 2001), Brasileiro (1999), Mundial de Clubes da FIFA (2000), Rio São Paulo (2002) e Copa do Brasil (2002). Ainda em 2002, foi pentacampeão mundial com a Seleção Brasileira. Em 2005, Luizão jogou pelo São Paulo para se tornar ídolo de mais uma equipe ao conquistar o Campeonato Paulista e a Libertadores da América.