Retrospectiva 2016: O ano da seleção de vôlei feminino

Jogos Olímpicos do Rio e Grand Prix. Esse eram os dois grandes objetivos da seleção de vôlei feminino em 2016, em especial a Olímpiada que seria disputada em território brasileiro, onde tentaria o tricampeonato olímpico.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: RIO DE JANEIRO 14-8-2016 Brasil enfrenta a China pelas semifinais do volei feminino de quadra. CELIO MESSIAS/Reprodução/CBV

Leia Mais:

http://torcedores.com/noticias/2016/12/retrospectiva-2016-superliga-masculina

Campeã do Grand Prix

Com os Jogos Olímpicos sendo a principal competição de 2016, o Grand Prix se tornou um verdadeiro treino de luxo para as seleções se preparem  e consequentemente a seleção campeã seria apontada como grande favorita ao ouro olímpico. E o Brasil conseguiu essa condição ao bater na final os Estados Unidos, por 3×2, com parciais de 18×25, 25×17, 25×23, 22×25 e 15×9, conquistando assim o seu 11º título do torneio, se consolidando como o maior vencedor.

Campanha do Brasil no Grand Prix:

09/06 1º jogo 1ª fase:

Brasil 3×1 Itália (23×25, 25×15, 25×15 e 27×25)

10/06 2º jogo:

Brasil 3×0 Japão (25×20, 25×23 e 25×15)

12/06 3º jogo:

Brasil 3×0 Sérvia (25×20, 25×18 e 25×18)

17/06 4º jogo:

Brasil 2×3 Sérvia (25×16, 31×29, 19×25, 19×25 e 16×18)

18/06 5º jogo:

Brasil 3×1 Bélgica (23×25, 25×19, 25×15 e 25×18)

19/06 6º jogo:

China 3×0 Brasil (25×23, 25×16 e 25×20)

24/06 7º jogo:

Itália 1×3 Brasil (26×24, 22×25, 13×25 e 22×25)

25/06 8º jogo:

Brasil 3×1 Bélgica (13×25, 25×19, 25×1.6 e 25×18)

26/06 9º jogo:

Turquia 0x3 Brasil (14×25, 21×25 e 19×25)

06/07 2ª fase 1º jogo:

Tailândia 0x3 Brasil (24×26, 16×25 e 11×25)

07/07 2º jogo:

Rússia 0x3 Brasil (22×25, 10×25 e 21×25)

09/07 semifinais:

Brasil 3×0 Holanda (25×18, 25×16 e 25×23)

10/07 final:

Brasil 3×2 EUA (18×25, 25×17, 25×23, 22×25 e 15×9)

Decepção nos Jogos Olímpicos

Passada a conquista do Grand Prix, o Brasil entrou como grande favorito a conquista do ouro na Olimpíada. E não só por esse fator, mas também por estar atuando em casa.

Depois de fazer uma campanha perfeita na primeira fase, onde não perdeu um set sequer, a seleção enfrentou a China, que se classificou no sufoco, na condição de favorita para chegar as semifinais. Contudo, as comandadas de José Roberto Guimarães não jogaram bem e acabaram sendo surpreendidas pelas chinesas (que posteriormente se tornariam campas olímpicas), sendo eliminadas de maneira precoce, para decepção e surpresa de muitos, que assistiram aquela que seria a maior zebra dos Jogos Olímpicos do Rio.

Campanha do Brasil na Olimpíada

Campanha do Brasil no Rio 2016:

06/08 1º jogo:

Brasil 3×0 Camarões (25×14, 25×21 e 25×13)

08/08 2º jogo:

Brasil 3×0 Argentina (25×16, 25×19 e 25×11)

10/08 3º jogo:

Brasil 3×0 Japão (25×18, 25×18 e 25×22)

12/08 4º jogo:

Brasil 3×0 Coréia do Sul (25×16, 25×19 e 25×11)

14/08 5º jogo:

Brasil 3×0 Rússia (25×23, 25×21 e 25×21)

16/08 quartas de final:

Brasil 2×3 China (25×15, 23×25, 22×25, 25×22 e 13×15)