Zagueiro do Corinthians planeja evolução para 2017: “Almejo uma chance na seleção”

Zagueiro do Corinthians planeja evolução para 2017: "Almejo uma chance na seleção"
Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Todo bom torcedor corintiano espera que 2017 seja totalmente diferente do que foi 2016. Com o desmanche no elenco, diversas trocas de treinadores e nem mesmo uma vaga na Libertadores, há quem queira superar o passado e buscar novamente o sucesso. Retornando de lesão, o zagueiro do Corinthians Yago quer de volta a a titularidade e, mais do que isso, sonha com uma chance na seleção.

Em recente entrevista exclusiva ao Torcedores.com, o zagueiro Yago comentou sobre seus problemas com doping e lesão. Após perder espaço devido aos problemas, o zagueiro espera voltar brigando pela titularidade, mas prega cautela.

LEIA MAIS:
PREFEITURA DE CHAPECÓ SANCIONA LEI QUE DECLARA MEDELLÍN CIDADE-IRMÃ

“Não dá pra cravar [que serei titular]. Será uma disputa legal pela posição. Meus companheiros foram bem e creio que a nova comissão técnica dará a oportunidade a todas as peças”, comentou o camisa 3 do Corinthians. O zagueiro ainda comentou sobre o que espera para 2017 após um ano ruim do timão. “Vamos treinar para alinhar tudo e corrigir os defeitos. Creio que estaremos prontos para uma temporada de sucesso. O time, num todo.”

Antes reserva de Gil e Felipe no consagrado Corinthians de 2015, Yago foi titular absoluto com Tite. Com as trocas de técnicos, viu a defesa da equipe cair de rendimento. “Acho que o sistema defensivo sofreu mudanças e aí já entra numa parte fundamental que é o entrosamento, junto com ritmo de jogo. Infelizmente sofremos mais gols, mas em 2017 será diferente”.

Sempre positivo, Yago esperar o melhor para ele e para o Corinthians na próxima temporada. O jogador, que já foi emprestado para Portuguesa e Bragantino, agora sonha grande. “Sei que as oportunidades que possam aparecer serão graças a minha dedicação com a camisa do Corinthians. Agora, o que almejo é evoluir e, claro, ter uma chance na Seleção.”

Fora da Libertadores de 2017, o zagueiro falou o que esperar nas quatro competições que o time disputará no próximo ano. “O Paulista é forte, tem Copa do Brasil, Brasilerão e Sul-Americana. Creio que será um ano de conquistas e, claro, contamos com o apoio do nosso torcedor para obtermos êxito.”



Jornalista formado pela USCS, apaixonado por esportes, cultura e comunicação. Ex-atleta em atividade, pensa que sabe algo sobre futebol, handebol e esportes americanos.