Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

“China brasileira”, Palmeiras tem média de quase dois times de reforços por temporada

Em 2016, Paulo Nobre deixou a presidência do Palmeiras após dois mandatos totalmente distintos. No primeiro biênio, 2013-14, o mandatário adotou uma política de austeridade financeira, já que o clube estava à beira da falência. Cortou os gastos ao extremo e precisou tirar do próprio bolso para reaquecer os cofres alviverdes. Nesse período, o Verdão quase foi rebaixado novamente à Série B e fracassou nas apostas em medalhões como o zagueiro Lúcio, o volante Wesley e o atacante Alan Kardec.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: Arte: Matheus Martins Fontes/Torcedores.com

LEIA TAMBÉM:
Mercado da bola: Palmeiras, enfim, anuncia contratação do volante Felipe Melo
Mercado da bola: Palmeiras sinaliza proposta tentadora para trazer Pratto
Palmeiras dá aula no Coirinthians em como proteger elenco da janela; veja números
Marido assina inscrição e agora ‘casal Crefisa’ pode entrar no Conselho do Palmeiras

Em 2015, porém, Nobre pensou grande. Já com as finanças reequilibradas, o presidente decidiu investir e trouxe o diretor de futebol Alexandre Mattos, que tinha tido experiência espetacular no bicampeão brasileiro Cruzeiro. Logo depois, fechou parceria com a Crefisa. Ou seja, com dinheiro, com patrocinador e o homem mais forte do Brasil em mercado da bola, não deu outra: choveram contratações na Academia de Futebol.

Assim, o Palmeiras trouxe nomes comok Dudu, Zé Roberto, Moisés, Jean, Mina e Tchê Tchê, entre outros nomes que formaram a base de uma equipe que primeiro conquistou a Copa do Brasil e depois voltou a levantar o troféu do Brasileirão, duas décadas após o último título na principal competição do país.

Agora sob o comando do presidente Maurício Galiotte, eleito em novembro, o clube mantém o status adquirido de maior comprador do futebol brasileiro. Até o momento, o time trouxe seis reforços, sendo que o volante Felipe Melo foi anunciado neste domingo. O técnico do Internacional, Antonio Carlos Zago, chegou a dizer que o Palmeiras é o “único clube chinês do Brasil” pela força no mercado da bola.

Galiotte tem noção de que, sob a batuta do seu antecessor, o Palmeiras anunciou nada menos que 80 jogadores, o que seria equivalente a montar sete times neste período.

Veja todas as contratações do Palmeiras de 2013 para cá:

2013
1) Weldinho, lateral, fevereiro de 2013
2) Marcelo Oliveira, lateral, fevereiro de 2013
3) Charles, meia, fevereiro de 2013
4) Vilson, zagueiro, fevereiro de 2013
5) Léo Gago, meia, fevereiro de 2013
6) Rondinelly, meia, fevereiro de 2013
7) Leandro, atacante, fevereiro de 2013
8) Ronny, meia, fevereiro de 2013
9) Kleber, atacante, fevereiro de 2013
10) André Luiz, zagueiro, março de 2013
11) Serginho, meia, abril de 2013
12) Tiago Alves, zagueiro, maio de 2013
13) Ananias, meia, maio de 2013
14) Thiago Martins, zagueiro, junho de 2013*
15) Mendieta, meia, junho de 2013
16) Alan Kardec, atacante, junho de 2013
17) Egúren, meia, julho de 2013
18) Felipe Menezes, meia, julho de 2013
19) França, meia, dezembro de 2013
20) Rodolfo, atacante, dezembro de 2013

2014
21) Diogo, atacante, janeiro de 2014
22) Lúcio, zagueiro, janeiro de 2014
23) William Matheus, lateral, janeiro de 2014
24) Victorino, zagueiro, janeiro de 2014
25) Paulo Henrique, lateral, janeiro de 2014
26) Marquinhos Gabriel, meia, janeiro de 2014
27) Bruno César, meio-campista, janeiro de 2014
28) Josimar, volante, fevereiro de 2014
29) Bruninho, meia, fevereiro de 2014
30) Henrique, atacante, abril de 2014
31) Bernardo, meia, maio de 2014
32) Tóbio, zagueiro, junho de 2014
33) Mouche, atacante, junho de 2014
34) Allione, meia, julho de 2014*
35) Cristaldo, atacante, agosto de 2014
36) Jailson, goleiro, outubro de 2014*
37) Washington, meia, outubro de 2014
38) Amaral, volante, dezembro de 2014
39) Vitor Hugo, zagueiro, dezembro de 2014*
40) Lucas, lateral, dezembro de 2014
41) Andrei Girotto, meia, dezembro de 2014
42) Zé Roberto, lateral, dezembro de 2014*
43) Leandro Pereira, atacante, dezembro de 2014*
44) Gabriel, meia, dezembro de 2014

2015
45) João Paulo, lateral, janeiro de 2015
46) Rafael Marques, atacante, janeiro de 2015*
47) Robinho, meia, janeiro de 2015
48) Dudu, meia, janeiro de 2015*
49) Victor Ramos, zagueiro, janeiro de 2015
50) Kelvin, atacante, janeiro de 2015
51) Jackson, zagueiro, janeiro de 2015
52) Alan Patrick, meia, janeiro de 2015
53) Ryder Matos, atacante, janeiro de 2015
54) Arouca, meia, janeiro de 2015*
55) Aranha, goleiro, fevereiro de 2015
56) Cleiton Xavier, meia, fevereiro de 2015*
57) Egídio, lateral, março de 2015*
58) Fellype Gabriel, meia, maio de 2015
59) Alecsandro, atacante, junho de 2015*
60) Leandro Almeida, zagueiro, junho de 2015
61) Lucas Barrios, atacante, julho de 2015*
62) Thiago Santos, meia, agosto de 2015*
63) Vagner, goleiro, dezembro de 2015*
64) Roger Carvalho, zagueiro, dezembro de 2015*
65) Régis, meia, dezembro de 2015
66) Edu Dracena, zagueiro, dezembro de 2015*
67) Erik, atacante, dezembro de 2015*
68) Rodrigo, meia, dezembro de 2015*
69) Moisés, meia, dezembro de 2015*

2016
70) Jean, lateral, janeiro de 2016*
71) Róger Guedes, atacante, abril de 2016*
72) Fabrício, lateral, abril de 2016*
73) Fabiano, lateral, abril de 2016*
74) Tchê Tchê, meia, maio de 2016*
75) Yerry Mina, zagueiro, maio de 2016*
76) Leandro Pereira, atacante, junho de 2016

Para 2017
77) Keno, atacante, dezembro de 2016*
78) Hyoran, meia, dezembro de 2016*
79) Raphael Veiga, meia, dezembro de 2016*
80) Alejandro Guerra, meia, dezembro de 2016*
81) Felipe Melo, volante, janeiro de 2017*