Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Exclusivo: Cairo Santos vê Chiefs como ‘time de Super Bowl’ e comemora temporada incrível

Quando pisar no gramado do Arrowhead Stadium no domingo, às 23h20 (de Brasília) para enfrentar o Pittsburgh Steelers, Cairo Santos jogará pela segunda vez na carreira um duelo de divisão dos playoffs da AFC. E a confiança só aumenta. Se antes alguém duvidava da capacidade do brasileiro, hoje todos acreditam que o kicker é uma das armas mais confiáveis do Kansas City Chiefs na disputa por uma vaga no Super Bowl.

Patrick Mesquita
Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Getty Images

O desempenho dentro de campo é o que justifica tanta expectativa. Vivendo a melhor temporada da carreira, Cairo acertou 31 dos 35 field goals que tentou. Não bastasse os 88,6% de aproveitamento (oitava melhor marca da NFL neste campeonato), ele ainda conseguiu o FG mais longo desde que entrou na liga: 54 jardas, na derrota para o Houston Texans na segunda rodada.

Vale ressaltar que o paulista conseguiu este aproveitamento em uma temporada muito complicada para os kickers da liga, com nomes consagrados como Stephen Gotskowski, do New England Patriots, sofrendo para converter as tentativas.

Agora, Cairo quer utilizar todo o retrospecto positivo para levar os Chiefs ainda mais longe. No campeonato passado, o sonho acabou exatamente nesta fase, contra o New England Patriots. Neste ano, a situação é bem diferente.

A equipe terminou a temporada regular com 12 vitórias e quatro derrotas e garantiu a segunda melhor posição na AFC, ganhando o direito de folgar na primeira rodada dos playoffs. Caso passe pelos Steelers no domingo, o time do estado de Missouri chegará vez à final da AFC pela primeira desde 1993, quando foi eliminado pelo Buffalo Bills.

Em entrevista exclusiva ao Torcedores.com, o brasileiro falou sobre a temporada mágica que vive e a expectativa de levar os Chiefs ao Super Bowl. Veja a entrevista na íntegra:

Torcedores.com: Qual o balanço que você faz da temporada até agora?

Cairo Santos: Uma temporada muito especial. Acho que, mesmo no ano passado, vencendo o Houston Texans e perder só para o New England Patriots, a temporada não foi tão consistente como neste ano. Agora a consistência tem sido maior do que no ano passado. Temos nos divertido bastante, vendo todos contribuindo para ganhar os jogos. É uma temporada especial coletiva e para mim. Estou muito feliz com a porcentagem de chutes certos e ter a chance de ganhar alguns jogos. Tem sido especial, mas tem muito chão pela frente. É continuar focado para que o time alcance o objetivo.

Torcedores.com: Qual jogo foi o mais importante até aqui? O contra o Oakland Raiders?

Cairo SantosÉ difícil escolher um jogo, mas a sequência mais importante foi contra o Denver Broncos, fora de casa, o Atlanta Falcons, fora de casa, e o Oakland Raiders. Deu para convencer muita gente de que o Kansas City Chiefs é time de Super Bowl.

Torcedores.com: Os Chiefs tiveram uma perda muito importante no começo do ano, que foi a lesão do Jamaal Charles. Como vocês superaram isso?

Cairo SantosEstávamos torcendo muito para a volta dele desde a lesão do ano passado. Foi muito chato ver algo assim acontecer com ele novamente. Mas a nossa filosofia é de que é a vez do próximo jogador. Temos running backs excelentes, como o Spencer Ware, Charcandrick West e o Tyreek Hill. Nossos técnicos fizeram um excelente trabalho e acharam um jeito de substituir o Jamaal.

Torcedores.com: Tem sido uma temporada muito complicada para os kickers da liga. Blair Walsh dispensado e coisas assim. Como você vê esse momento ruim para diversos nomes, menos para você?

Cairo SantosÉ muito chato ver ótimos kickers como Blair Walsh e Stephen Gotskowski com desempenho ruim, mas é a vida de kicker. Quando você acerta, a mídia diz que você só está fazendo o seu trabalho. Quando erra, eles criam situações que afetam o psicológico dos kickers. É difícil voltar a confiança, você precisa de uma sequência muito boa para retomar. Ainda bem que para mim está dando certo, mas você tem que sempre trabalhar porque nunca sabe quando a bola não vai entrar. É importante ser humilde e sempre continuar trabalhando.

Torcedores.com: Aquele seu chute contra os Broncos está no top 5 da sua carreira?

Cairo SantosAquele chute contra os Broncos com certeza é o número 1 da carreira. Todo chute com chance de ganhar o jogo é especial, mas aquele, até por bater na trave e drama, fez ser mais especial. Ainda mais sendo Sunday Night, com o mundo inteiro assistindo e contra o nosso maior rival, tornou tudo ainda mais especial.

Cairo Santos acerta chute decisivo contra o Denver Broncos

Cairo Santos acerta chute decisivo contra o Denver Broncos

Torcedores.com: Todo kicker deve sonhar com o dia em que decide um Super Bowl. Com a temporada dos Chiefs, você já começa a pensar mais na possibilidade?

Cairo SantosNa verdade, todo jogo pensamos na chance de decidir um duelo com um chute. A NFL é muito disputada, ainda mais entrando nos playoffs, e eu sei que cada chute é importante. Em todo treino nos colocamos na situação de dar o chute decisivo, com o relógio estourando. Então, nesta reta final, trabalhamos ainda mais porque sabemos que a possibilidade é maior.

Torcedores.com: Como é trabalhar com um treinador como Andy Reid? Vocês têm muito contato?

Cairo SantosO Andy é um paizão. É um técnico muito legal, sabe cuidar dos jogadores, mas também sabe ser sério. Ele sempre pede o maior esforço possível e excelência no trabalho. É um prazer trabalhar para ele. Ele não conversa muito com os jogadores. Se você vai bem, ele diz: ‘bom jogo’. Se você está indo mal, ele diz: ‘vamos, vamos’.

Torcedores.com: Uma cena muito legal de ver é a comemoração do time todo quando você acerta um chute decisivo. Você sente que a confiança do time em você aumentou?

Cairo SantosUma das cenas mais legais de viver é acertar o chute e o time inteiro vir te abraçar. Parece que o mundo para e você está em um filme. É uma sensação maravilhosa. Com o desempenho tem crescido a confiança do time em mim. Eu acertando chutes nas possibilidades é legal. É esse tipo de confiança que eu quero passar para o time. Se precisar de mim, eu quero decidir e não tenho medo.

Torcedores.com: Uma cena engraçada é a do Travis Kelce comemorando com você. Ele é um Tight End gigante. Você ainda se assusta com o tamanho dos caras?

Cairo SantosA surpresa na diferença de tamanho para o resto do time eu já perdi desde a faculdade. Já aceitei que sou o menor e vou ser o menor em todos os jogos. Mas eu gosto de provar que tamanho não é tudo. Muita gente falou que eu não chegaria na NFL pelo tamanho e que não tinha força na minha perna. Eu sempre gostei de provar que as pessoas estavam erradas e que é possível chegar.

Torcedores.com: Pensa em ficar mais quanto tempo nos Chiefs? A cidade te agrada?

Cairo SantosEste é meu último ano de contrato. Eu adoraria renovar, amo a cidade. Os fãs são maravilhosos, nosso estádio. É um sonho jogar em um time assim, onde a cidade toda ama os Chiefs. Os companheiros de time, os técnicos, tudo me agrada. Espero que tudo dê certo e que eu possa ficar muitos anos aqui.

Torcedores.com: Você e alguns companheiros fizeram uma homenagem à Chapecoense durante um jogo. Como surgiu a ideia e como você convenceu o restante dos companheiros?

Cairo SantosA ideia surgiu vendo o mundo inteiro fazendo homenagens. Eu quis fazer uma camiseta para mostrar que, mesmo de longe e sendo outro esporte, reconhecemos o quanto a Chapecoense era um time de heróis. Então, o James Winchester (snapper) e o Dustin Colquitt (holder/punter), escutaram a conversa minha com o designer e pediram para participar. Eles queriam mostrar que apoiavam o Brasil. Foi muito bonito ver isso acontecendo.

A tragédia repercutiu bastante. Assistindo TV, a ESPN americana mostrava a do Brasil atualizando as notícias. Todo mundo queria saber. Acho que é o maior medo de todo time que viaja bastante. Todo mundo mostrou solidariedade, pediram para eu mandar forças. Todos viram que eu fiquei abalado. Foi difícil, mas ver o apoio do mundo todo foi sensacional e alegrou muitos corações brasileiros ver esse apoio todo que o mundo mostrou para os craques da Chapecoense.

Cairo Santos e o Kansas City Chiefs entram em campo no domingo, às 23h20 (de Brasília), contra o Pittsburgh Steelers.