Mauro Beting ‘alfineta’ Fifa e considera Palmeiras campeão mundial; veja post

Na última sexta-feira, a Fifa polemizou ao negar que os clubes que foram campeões da Copa Intercontinental desde 1960 sejam considerados campeões mundiais. Em comunicado ao jornal “O Estado de S. Paulo”, a entidade que rege o futebol mundial considera “campeões mundiais de clubes” de forma oficial os vencedores do Mundial organizado por ela em 2000 e de 2005 em diante, quando representantes de todas confederações participavam do evento.

Redação Torcedores
Textos publicados pela Redação do Torcedores.com.Contato: redacao@torcedores.com

Crédito: Arte: Matheus Martins Fontes/ Torcedores.com

LEIA TAMBÉM:
Paulistão: Veja como e até quando Eduardo Baptista pode definir o Palmeiras
Com apoio de Edmundo, Mancha Verde detona PM por novo bloqueio na arena do Palmeiras
Palmeiras vence jogo-treino na Academia de Futebol; assista aos gols
Gabigol? Mattos revela que Kia tentou contratar Gabriel Jesus para a Inter de Milão

Dessa maneira, times brasileiros como o Santos de Pelé, o Flamengo de Zico, o Grêmio de Renato Gaúcho e o Palmeiras, campeão da Copa Rio de 1951, não são considerados campeões mundiais pela Fifa. Especificamente sobre o Verdão, o jornalista Mauro Beting divulgou um post em seu blog dizendo que “ainda que não tenha moral e muitas vezes legitimidade, a legalidade é toda da Fifa.”

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

Críticas à parte, “a Fifa só considera OFICIAL DA FIFA o torneio de 2000 no Brasil, e os de 2005 para cá. Ponto”. Entretanto Beting diz que o Palmeiras, assim como os outros vencedores da competição intercontinental antes de 2000 e entre 2001 e 2004, são, sim, considerados campeões mundiais.

“A Fifa considera MUNDIAIS (e não OFICIAIS DA FIFA) todos os intercontinentais de 1960 a 2004. Incluindo a Copa Rio de 1951 e também a de 1952 (conquistada pelo Fluminense). Temas para outras longas discussões. Apenas isso. O resto é meme e mimimis. Parabéns a todos os campeões mundiais. A chancela da Fifa não muda a volta olímpica. Nem a falta dela tira o mérito de quem conquistou todos esses torneios muito importantes e muito difíceis”, explicou o jornalista dos canais Esporte Interativo.

EM 2014, FIFA TINHA CONSIDERADO PALMEIRAS CAMPEÃO MUNDIAL

A ideia de oficializar a conquista da Copa Rio de 1951 como Mundial foi idealizada pelo então presidente do clube Mustafá Contursi em 2001. Cinco anos mais tarde, durante a gestão de Affonso della Monica, o Palmeiras produziu dossiê completo sobre o torneio disputado por oito clubes – Áustria Viena (Áustria), Estrela Vermelha (Iugoslávia), Juventus (Itália), Nacional (Uruguai), Nice (França), Sporting (Portugal), Vasco e Palmeiras (Brasil).

O Verdão decidiu o título contra a Juventus. Na primeira partida, no Pacaembu, venceu por 1 a 0. No segundo jogo, com mais de 150 mil torcedores no Maracanã, o Palmeiras segurou empate por 2 a 2 e sagrou-se campeão.

O projeto acabou encampado também pela CBF, que em 2007 enviou um documento ao Palmeiras afirmando que a Fifa reconhecia ali o clube como primeiro campeão mundial de clubes. Em 2014, finalmente o Ministério do Esporte brasileiro abraçou o ideal, e após análise de seu comitê executivo, a Fifa enviou um documento para o Palmeiras e CBF oficializando a conquista da Copa Rio como primeiro Mundial de Clubes.