Torcedores | Notícias sobre Futebol, Games e outros esportes

Opinião: Felipe Massa e o preço de uma “aposentadoria”

Felipe Massa sai da precoce aposentadoria na F1 se seguirá em 2017. Mas o que fazer com as homenagens em Interlagos no GP Brasil de 2016?

Fabrício Carvalho
Jornalista formado / Rio de Janeiro. Redator de notícias, artigos e relatos sobre futebol nacional e internacional, basquete e esportes americanos.

Crédito: Williams Racing

No ano de 2016, um piloto brasileiro trouxe a F1 um momento único e emocionante a todos os fãs de automobilismo e aos brasileiros em geral. Felipe Massa estava vivendo no GP Brasil, em Interlagos, a sua despedida na categoria.

A corrida, que já estava marcante devido a inúmeros elementos e longa duração, tinha ganhado um “ingrediente” para enfim se tornar inesquecível. Muitos viram Felipe Massa bater na entrada dos pits. O safety-car entrou, a corrida parou e todos pararam…

Apenas Felipe Massa caminhava, completamente emocioando e emocionando a todos, recebendo aplausos e cumprimentos de sua família. Na transmissão exclusiva da Rede Globo em rede nacional, o choro da equipe de comentaristas capitaniada por Galvão Bueno, o mais emocionado, enaltecendo como foi linda a cena de despedida.

A descrição acima poderia mesmo ter sacramentada como realidade para a história da humanidade e lembraríamos sempre desta cena como uma das mais marcantes na história do esporte mundial. Entretanto, isso não irá ocorrer.

Felipe Massa, tão convicto e organizado de sua aposentadoria, não parou e seguirá na F1. Não é um “retorno” como muitos chamam mas sim uma continuação de sua carreira, numa natural troca de equipes num período de intertemporadas.

Aparentemente, 21 milhões de reais, da Williams, foram suficientes para desaposentar o piloto brasileiro.

Enfim, o torcdor brasileiro seguirá tendo alguém para torcer nas manhãs de domingo da Rede Globo, que certamente está aliviada com está notícia. Mas o que fazemos com todas as homenagens, lágrimas, reportagens especiais que foram feitas para Massa?

Infelizmente, tudo será jogado no lixo e se tornará completamente abstrato, sem sentido. As cenas vistas em Interlagos no GP Brasil de 2016 foram uma grande ilusão coletiva.

Para Felipe Massa, uma verdadeira utopia. Não importa mais quando Massa se aposentará, nenhuma despedida poderá superar a utópica, nem mesmo um título mundial.