Motivado com a evolução do Sertãozinho, Barboza mira duelo contra a Lusa

A noite desta sexta-feira, 10, promete ser agitada na capital paulista, onde Portuguesa x Sertãozinho se enfrentam pela quarta rodada do Campeonato Paulista da Série A2. A Lusa ocupa a 12ª posição com quatro pontos ganhos, enquanto o Touro é o 5º colocado com dois a menos. O duelo terá transmissão ao vivo do canal SporTV,  às 19h15.

Tamiris Dinamarco
Colaborador do Torcedores

Crédito: Foto: Tamiris Dinamarco

De volta à equipe, o meia Barboza afirma que a meta é pontuar e jogar bem fora de casa: “Sabemos que vai ser um jogo difícil, mas trabalhamos forte durante a semana para chegar e fazer uma boa partida e conquistar um resultado positivo. A Portuguesa é uma grande equipe, mas que vem de dois resultados negativos e vamos procurar aproveitar o nosso momento e com respeito tentar sair com um ou três pontos e chegar ao G4.”

LEIA MAIS:
LATERAL DO SERTÃOZINHO MOSTRA HABILIDADE FORA DOS GRAMADOS E COMENTA ESTREIA NA A2
JOGANDO EM CASA, SERTÃOZINHO NÃO SEGURA O SÃO CAETANO NA ESTREIA DA A2
COM UM A MENOS, SERTÃOZINHO BATE O XV DE PIRACICABA DE VIRADA
SERTÃOZINHO VENCE O CAPIVARIANO E ENTRA NO G4

Para esse confronto, o técnico sertanezino Júlio Sérgio terá duas baixas: o atacante Tyto e o zagueiro Eli Sabiá seguem em recuperação no Departamento Médico. Quem está à disposição da comissão técnica é o volante Nildo, que já foi liberado pelo DM e que também conta com o retorno de Barboza, que foi  um dos grandes destaques da equipe na vitória diante do Capivariano por 3 x 1, participando diretamente dos três gols.

“Estava com o pé dolorido e inchado e qualquer chute ou carrinho poderia ter machucado mais ainda, por isso acabei ficando na reserva. Mas o Júlio sempre pede pra quem estiver no banco ficar preparado pra entrar e mudar o jogo e Graças a Deus foi o que aconteceu. O time já vinha fazendo uma boa partida diante do Capivariano e pude entrar e ajudar o grupo com três passes que resultaram nos gols”, explicou o meia.DSC_0628

Barboza também ressaltou a mudança de horários nos jogos que o Sertãozinho terá pela frente e como isso pode ser fundamental para a conquista de novas vitórias. A alteração foi um pedido da diretoria grená, apoiada pelos torcedores já que os jogos em horários matinais estavam com sensações térmicas altíssimas.

“Jogar às 10 da manhã temos um desgaste muito grande e acredito que com esse novo horário à noite o time poderá ter um rendimento muito melhor. Nosso time vem de uma crescente muito boa, mostrando um entrosamento bem maior, mas não adianta nada se não vencermos. Então temos que continuar mostrando nosso potencial jogo pós- jogo”, disse.

Dos três jogos disputados, o Sertãozinho venceu dois ( contra o XV de Piracicaba e Capivariano) e foi derrotado em apenas um jogo (pelo São Caetano). O clube grená marcou 6 gols e sofreu apenas 3 e tem um aproveitamento de 66,7%.

“Daqui pra frente a competição vai começar a afunilar e vai ficando mais difícil. Temos que ter os pés no chão e tranquilidade para não deixar cair o nível de concentração para nos mantermos na parte de cima”, finalizou.

Foto: Tamiris Dinamarco