Futebol

Camisas do Grêmio são proibidas na estreia do Inter na Copa do Brasil

Publicado às

Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Inter

Foto: Inter

Crédito: Alexandre Lops / Internacional

O Inter faz sua estreia na Copa do Brasil nesta quarta-feira, às 21h45, contra o Princesa de Solimões, do Amazonas, mas que mandará o jogo para Cascavel, no Paraná. O oeste paranaense, tradicionalmente, possui muitos torcedores da dupla Gre-Nal, mas os gremistas que quiserem ir ao duelo de quarta não poderão usar a camisa do clube do coração.

Por determinação da Polícia Militar de Cascavel, os gremistas deverão deixar suas camisas em casa se quiserem ir ao jogo. A ideia é evitar qualquer tipo de confusão dentro e fora do Estádio Olímpico Regional.

“A Polícia já determinou: torcedor que for com a camisa do Grêmio não entrará no estádio. A orientação vai um pouco além, pois já se divulga na cidade que nem mesmo serão permitidas camisas do Grêmio do Estádio Olímpico”, explicou Aureo Cesar Ribeiro, diretor regional do Inter e da Associação Cobra Colorada, em Cascavel, em entrevista ao jornal Zero Hora.

A expectativa é que aproximadamente 10 mil colorados comparecem ao estádio para assistir à estreia do Inter na Copa do Brasil. O que pesa contra é o alto valor do ingresso: a cadeira custa R$ 125 e a arquibancada, R$ 70.

Inter vai modificado para o jogo:

O esquema “Árvore de Natal” montado pelo técnico Antônio Carlos Zago durou apenas dois jogos. Eficiente contra o Fluminense e ineficaz contra o Caxias, o 4-3-2-1, com três volantes, dois meias e um atacante não será mantido para a partida de estreia na Copa do Brasil, nesta quarta-feira, em Cascavel, contra o modesto Princesa de Solimões, a partir de 21h45.

Na atividade comandada por Zago na manhã desta terça, em Porto Alegre, as mudanças mais significativas foram no setor de meio campo. A “dobradinha” na esquerda entre Uendel e Carlinhos, que foi vista no decorrer dos últimos dois jogos, parece ter agradado a comissão técnica. Os dois iniciam a partida de estreia na Copa do Brasil, com Uendel mantido na lateral e Carlinhos mais avançado. Contra o Flu, pela Primeira Liga, Uendel foi deslocado para o meio com a entrada de Carlinhos.

Duas outras mudanças importantes desenhadas pelo treinador influenciam o setor de ataque. Roberson, bastante criticado pela torcida nas partidas recentes, perde a vaga no comando do ataque. No seu lugar, quem entra é o ex-atleticano Carlos, que fará sua segunda partida pelo Inter. Diego, um dos xodós de Zago na pré-temporada, também está voltando ao time na vaga de Valdívia.

Quem também ganha outra chance na equipe é o zagueiro Paulão, escalado no lugar de Ernando, vaiado contra o Caxias, no sábado passado. Sendo assim, o provável Inter para a abertura da Copa do Brasil tem: Danilo; Alemão, Paulão, Klaus e Uendel; Rodrigo Dourado e Charles; Diego, D’Alessandro e Carlinhos; Carlos.