DESTAQUE

Após goleada do São Paulo, Ceni fala sobre Gilberto: “acho importante estimular a competitividade”

Publicado às

Paulistano, 20 anos. Estudante de Comunicação Social-Jornalismo da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

Crédito: Foto: Reprodução/Facebook

O São Paulo recebeu a Ponte Preta no Morumbi neste domingo (12), pela 2ª rodada do Paulistão 2017, no reencontro de Rogério Ceni com a torcida. Com uma ótima apresentação, o tricolor aplicou 5×2 no adversário, além de um show do atacante Gilberto, autor de três gols.

A equipe da casa foi surpreendida aos 20 minutos do primeiro tempo, quando a Macaca abriu o placar com um belo chute de fora da área de Matheus Jesus. Mas antes do intervalo, Cueva e Gilberto, respectivamente, viraram o placar para o São Paulo.

LEIA MAIS:
VEJA O QUE A IMPRENSA DISSE DA GOLEADA DO SÃO PAULO NO PAULISTÃO

CENI DE VOLTA AO MORUMBI, HAT-TRICK DE GILBERTO; VEJA A REPERCUSSÃO DE SÃO PAULO X PONTE PRETA

Já na segunda etapa o Soberano ampliou aos 11′, 12′ e aos 24′, com Thiago Mendes e Gilberto duas vezes. O atacante Lucca ainda diminuiu para a Ponte, fechando o placar. Logo após o fim da partida, Rogério Ceni concedeu entrevista à imprensa, e falou sobre a atuação da equipe neste domingo:

“Eu acho muito importante o que estimula a competitividade. Hoje temos Chávez, Gilberto e Pratto. Chávez marcou dois gols na estreia e hoje o Gilberto fez três. Acho que estimular a concorrência faz bem, e a equipe só tem a ganhar”, comentou Ceni sobre a atuação do atacante.

Com o resultado, a equipe do Morumbi subiu para a liderança do grupo B, com três pontos. À frente de Linense (3), RB Brasil (1) e Ferroviária (0). Já a Ponte Preta caiu para o 4º lugar do grupo D, e permanece com três pontos conquistados. Santos (6), Mirassol (6) e Audax (3) completam a tabela.

Os times voltam a jogar pelo Campeonato Paulista na próxima quarta-feira (15). O tricolor terá pela frente o Santos, na Vila Belmiro, às 21:45. Já a Macaca vai à Ribeirão Preto para enfrentar o Botafogo, no estádio Santa Cruz, às 19:30h.

Sobre o Sansão na próxima rodada, o técnico ainda completou: “Apesar de não termos um bom retrospecto recente na Vila, nós vamos pra ganhar, não iremos pra Santos apenas para se defender. Eles tem uma equipe de muito talento, torna-se um jogo difícil, mas vamos tentar a vitória”.