DESTAQUE

Dos 12 grandes, apenas cinco aparecem entre os que mais fidelizaram sócios em 2017

Publicado às

Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.

Depois de muito tempo, o futebol brasileiro começou a despertar para a importância do sócio torcedor, como forma de arrecadação para ajudar nas diversas despesas do clube. A importância deste tipo de programa é tanta, que atualmente é inimaginável ver uma grande agremiação que não investe neste tipo de fidelização.

Quando a análise é feita sobre as agremiações que mais tiveram fidelização de sócios desde o início do ano, entre os 12 grandes aparecem apenas cinco times. São eles: Botafogo, na segunda posição com 9.464; seguido pelo Atlético-MG, com 2.106; Corinthians, com 1.926; Flamengo, com 1.745 e Grêmio, com 1.524.

sócio 2

LEIA MAIS:

SAIBA O VALOR DAS COTAS QUE A TV VAI PAGAR PARA SEU TIME NOS ESTADUAIS

O crescimento entre os sócios torcedores é imenso, tanto para os times mais tradicionais, quanto para os menores. No ranking divulgado no meio do mês de fevereiro, dos 12 grandes clubes do país, apenas seis aparecem entre os primeiros colocados. Segundo o site movimento por um futebol melhor, Flamengo (1125), Botafogo (1062), Atlético-MG (959), Corinthians (882), Grêmio (686) e São Paulo (422) são os clubes que estão melhores ranqueados neste mês de fevereiro.

sócios 1

Por outro lado, no ranking geral, ou seja, desde que o programa de sócio foi criado, temos o Corinthians na ponta da tabela, com 135.562; o Palmeiras 126.355; o Grêmio, com 114.715, além do Internacional, com 112.756. A lista continua com São Paulo, Flamengo, Atlético-MG, Santos e Cruzeiro, com 112.175,77.239,72.195, 65.096,50.249, respectivamente.

Vale lembrar que além do número bruto de sócios, conta bastante o montante arrecado por cada clube. Contudo, estes valores atualmente não estão disponíveis no site oficial do movimento por um futebol melhor.