DESTAQUE

Dudu pede paciência com Eduardo Baptista no Palmeiras e afirma: “Devemos esquecer o Cuca”

Publicado às

Estudante do 9º semestre de jornalismo e amante dos esportes, principalmente o bom e velho futebol. Setorista de Atlético-MG e Futebol Feminino.

Dudu Eduardo Baptista

Foto: Dudu Eduardo Baptista

Crédito: Foto: Reprodução/Youtube

Depois de apenas dois jogos oficiais em 2017, o Palmeiras acumula uma vitória e uma derrota, mas o técnico Eduardo Baptista, que assumiu o clube nesta temporada, já está sendo pressionado pela torcida. Após o revés sofrido ontem, contra o Ituano, em Itu, o comandante passou a ser criticado pela massa alviverde, que sonha com o retorno de Cuca, campeão brasileiro no ano passado.

Na tarde desta segunda-feira, 13, em entrevista coletiva, o capitão Dudu demonstrou confiança no trabalho de Eduardo Baptista e pediu paciência para os torcedores, que devem tentar esquecer o ex-técnico, que também não teve um bom início no clube.

LEIA MAIS:

DUDU COMPARA ESTILOS DE JOGO DE CUCA E EDUARDO BAPTISTA NO PALMEIRAS

AGENDA DA SEMANA: CONFIRA O QUE VEM POR AÍ NO PALMEIRAS

ITUANO X PALMEIRAS: ASSISTA AO GOL DA PARTIDA DO PAULISTÃO

“Quando o Cuca chegou, foram cinco derrotas, se não me engano. Acho que o Cuca fez bem para o Palmeiras, um grande trabalho. Devemos esquecer o Cuca, é passado. O Eduardo está aqui, fazendo bom trabalho. Estamos nos adaptando ao estilo de jogo. Temos de estar tranquilos e focados no trabalho dele, dar continuidade”.

De acordo com o camisa 7, o trabalho do novo comandante vem sendo aprovado pelo jogadores e não deve ser deixado de lado por conta de um resultado negativo no início da temporada.

“Não é uma derrota que vai abalar o trabalho dele. Vem sendo bem feito no nosso ponto de vista. É dar tempo para ele ter as ideias dele e fazermos um bom ano”.

A respeito das críticas, Dudu reconheceu que a equipe poderia ter rendido mais, mas garantiu que o elenco está trabalhando forte para voltar a dar alegrias para a torcida.

“Torcedor quer sempre a vitória, a gente também. Infelizmente não veio ontem. Pegamos um time que está treinando desde outubro. Nós temos 20 e poucos dias treinando. Só o segundo jogo oficial, temos de ter paciência. Não pegamos um gramado muito bom. A equipe está no caminho certo, não é por uma derrota que está tudo errado.

É crítica normal, de não termos jogado esses dois jogos bem, quando todo mundo esperava. É normal. Temos de ter paciência, tranquilidade, para passar essa fase logo, voltar a jogar bem, a deixar nosso torcedor feliz, satisfeito pela partida que fizemos”, completou o capitão.

A próxima partida do Palmeiras é na quinta-feira, dia 06, às 19h30min, contra o São Bernardo, no Allianz Parque. Após este confronto, a equipe tem compromisso marcado para o domingo (19), às 17h, contra o Linense, na Fonte Luminosa, em Araraquara.