Futebol

“É um grupo novo, temos de amadurecer com a derrota”, diz Carille após revés para o Santo André

Publicado às

Jornalista com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação, Dialoog Comunicação e Comunicale.

Corinthians

Crédito: Crédito da Foto: © Daniel Augusto Jr. / Ag. Corinthians

Além da primeira derrota como técnico do Corinthians, Fábio Carille deixou a Arena Corinthians vendo seus comandados serem vaiados após o revés por 2 a 0 para o Santo André, em jogo válido pela segunda rodada do Paulistão, e lamenta o fato do time ainda estar em formação.

Tivemos mais posse de bola, mais finalizações, mas não fomos efetivos. Jogamos no campo do adversário. Sofremos um gol de bola parada. No segundo tempo continuamos em cima e no contra-ataque marcaram o segundo gol. É um grupo novo, temos de amadurecer com derrota. Gostei do desempenho, o time não se entregou. Sofremos por ser um grupo em formação“, disse o treinador em entrevista coletiva.

LEIA MAIS
JADSON AVISA QUE NÃO É O “SALVADOR DA PÁTRIA”, MAS PROMETE GOLS E ASSISTÊNCIAS
ENTENDA COM O CORINTHIANS PODE SE DAR MAL EM OFERECER DOIS ANOS DE CONTRATO A JADSON
TRÊS EX-CORINTHIANS ENTRAM EM LISTA DE MELHORES BRASILEIROS QUE JOGARAM NA INGLATERRA

A evolução foi que jogamos meio campo e nossa linha trabalhou bem correndo para trás. Foi bola parada e contra-ataque os gols deles. Vamos precisar jogar mais avançados, só que prontos para sofrer contra-ataque“, completou Carille, após ser questionado se havia enxergado alguma evolução na equipe alvinegra.

O técnico do Timão ainda foi questionado sobre o pênalti perdido pelo Jô, no primeiro tempo da partida, e deu força ao atacante. De acordo com o comandante alvinegro, o camisa sete continuará sendo batedor do time, que acertou o chute na estreia do Paulistão, sábado passado, diante do São Bento. “Ele tem de continuar trabalhando, bateu bem em Sorocaba. Não podemos mudar o batedor oficial por causa disso, senão não dá confiança, o próximo vem e também erra. O Jô é o batedor oficial do Corinthians“, afirmou.

Além disso, o técnico do Timão aproveitou para agradecer o apoio dos mais de 18 mil torcedores que compareceram a Arena Corinthians para empurrar o time.”No jogo contra a Ferroviária a torcida vaiou bastante, mas hoje não vi isso. Vi apoiando e cantando até o fim. A gente sabe que precisamos trazer ele de volta o quanto antes. Por isso que a torcida procurou apoiar hoje, porque teve entrega“, finalizou Carille.

Com a derrota, o Corinthians fica em segundo lugar no grupo A do Campeonato Paulista, mas corre o risco de ser ultrapassado pelo Ituano. O time volta a campo na próxima quarta-feira (15), às 19h30, na Arena, contra o Novorizontino.