Ex-árbitro sugere Luxemburgo no Inter: “Seria um bom lugar para recomeçar”

Luxemburgo
RIO DE JANEIRO, BRAZIL - OCTOBER 12: Head coach Vanderlei Luxemburgo of Flamengo gestures during a match between Flamengo and Cruzeiro as part of Brasileirao Series A 2014 at Maracana Stadium on October 12, 2014 in Rio de Janeiro, Brazil. (Photo by Buda Mendes/Getty Images)

Ele está desempregado, mas o nome não sai da mídia. Presença frequente nos programas esportivos de diferentes canais desde o início do ano, o técnico Vanderlei Luxemburgo voltou a dar uma interessante entrevista na noite desta segunda-feira, ao programa Boa Noite Fox, do canal a cabo Fox Sports. Ele mais uma vez rechaçou a tese de que está ultrapassado e garantiu que vai voltar em alta ao futebol.

“Sobre o meu trabalho, eu acho que algumas escolhas que eu tive nos últimos anos acabaram não dando certo. Quando você ganha tudo, acaba pensando assim: “Bom, sou o cara e posso resolver”. Mas não foi assim. Agora, pode ter certeza que se eu pegar um projeto legal, vou bater campeão de novo”, revelou Luxa.

LEIA MAIS:

Em um lance, D’Alessandro mostrou que está com a habilidade em dia; veja

Entenda como ocorreu a lesão que deve tirar Douglas da Libertador

Nesta terça, durante o programa Expediente Futebol, também da Fox, a entrevista do treinador seguiu repercutindo. E o ex-árbitro e atual comentarista Carlos Eugênio Simon deu uma sugestão no mínimo inesperada. Gaúcho, o antigo juiz acredita que o lugar ideal para Luxemburgo retomar sua carreira é o Inter, que jogará pela primeira vez a segunda divisão em 2017.

“O Luxemburgo é um grande treinador e ele trouxe para o Brasil essa questão multidisciplinar. Lembro que em 2002 eu fui apitar a final da antiga Copa Intercontinental e numa reunião antes do jogo o Real Madrid enviou um quarto ou quinto assistente. Disse ao Jorge Valdano, diretor deles, que aquele não era treinador. Mas ele me disse que sim, que era, que o Madrid trabalhava com vários treinadores-assistentes. Então essa modernidade o Luxemburgo trouxe, mas essa questão de não participar dos treinamentos e delegar tudo aos auxiliares atrapalhou ele nos últimos trabalhos”, disse Simon.

“Eu vejo que o melhor lugar para o Vanderlei Luxemburgo retomar o seu trabalho aqui no Brasil é no Inter, de Porto Alegre. Ele conhece o Rio Grande do Sul, fez um ótimo trabalho no Grêmio entre 2012 e 2013 e também foi jogador do Inter na década de 70”, acrescentou o ex-árbitro.

Após cair de forma inédita para a segunda divisão no ano passado, o Inter mudou sua diretoria e apostou na vinda de Antônio Carlos Zago para tocar o futebol do clube. Zago vem de uma ótima temporada em 2016 com o Juventude, quando colocou o clube da serra gaúcha de volta à Série B nacional. No entanto, o início no Inter tem sido irregular. Em três jogos no estadual, por exemplo, nenhuma vitória foi obtida.

Sobre a sugestão de Simon, Inter e Luxa até chegaram a “namorar” em algumas ocasiões, mas nunca chegou a ocorrer uma negociação de fato. O último trabalho do experiente treinador no Brasil foi no Cruzeiro, em 2015, sem muito destaque. No ano passado, ele foi demitido do Tianjin Quanjian, da segunda divisão da China.

 



Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Fã de esportes, sobretudo tênis. Colorado por paixão, jornalista por vocação e tenista por opção.