Futebol

Ex-árbitro sugere Luxemburgo no Inter: “Seria um bom lugar para recomeçar”

Publicado às

Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Luxemburgo

Foto: Luxemburgo

Crédito: RIO DE JANEIRO, BRAZIL - OCTOBER 12: Head coach Vanderlei Luxemburgo of Flamengo gestures during a match between Flamengo and Cruzeiro as part of Brasileirao Series A 2014 at Maracana Stadium on October 12, 2014 in Rio de Janeiro, Brazil. (Photo by Buda Mendes/Getty Images)

Ele está desempregado, mas o nome não sai da mídia. Presença frequente nos programas esportivos de diferentes canais desde o início do ano, o técnico Vanderlei Luxemburgo voltou a dar uma interessante entrevista na noite desta segunda-feira, ao programa Boa Noite Fox, do canal a cabo Fox Sports. Ele mais uma vez rechaçou a tese de que está ultrapassado e garantiu que vai voltar em alta ao futebol.

“Sobre o meu trabalho, eu acho que algumas escolhas que eu tive nos últimos anos acabaram não dando certo. Quando você ganha tudo, acaba pensando assim: “Bom, sou o cara e posso resolver”. Mas não foi assim. Agora, pode ter certeza que se eu pegar um projeto legal, vou bater campeão de novo”, revelou Luxa.

LEIA MAIS:

Em um lance, D’Alessandro mostrou que está com a habilidade em dia; veja

Entenda como ocorreu a lesão que deve tirar Douglas da Libertador

Nesta terça, durante o programa Expediente Futebol, também da Fox, a entrevista do treinador seguiu repercutindo. E o ex-árbitro e atual comentarista Carlos Eugênio Simon deu uma sugestão no mínimo inesperada. Gaúcho, o antigo juiz acredita que o lugar ideal para Luxemburgo retomar sua carreira é o Inter, que jogará pela primeira vez a segunda divisão em 2017.

“O Luxemburgo é um grande treinador e ele trouxe para o Brasil essa questão multidisciplinar. Lembro que em 2002 eu fui apitar a final da antiga Copa Intercontinental e numa reunião antes do jogo o Real Madrid enviou um quarto ou quinto assistente. Disse ao Jorge Valdano, diretor deles, que aquele não era treinador. Mas ele me disse que sim, que era, que o Madrid trabalhava com vários treinadores-assistentes. Então essa modernidade o Luxemburgo trouxe, mas essa questão de não participar dos treinamentos e delegar tudo aos auxiliares atrapalhou ele nos últimos trabalhos”, disse Simon.

“Eu vejo que o melhor lugar para o Vanderlei Luxemburgo retomar o seu trabalho aqui no Brasil é no Inter, de Porto Alegre. Ele conhece o Rio Grande do Sul, fez um ótimo trabalho no Grêmio entre 2012 e 2013 e também foi jogador do Inter na década de 70”, acrescentou o ex-árbitro.

Após cair de forma inédita para a segunda divisão no ano passado, o Inter mudou sua diretoria e apostou na vinda de Antônio Carlos Zago para tocar o futebol do clube. Zago vem de uma ótima temporada em 2016 com o Juventude, quando colocou o clube da serra gaúcha de volta à Série B nacional. No entanto, o início no Inter tem sido irregular. Em três jogos no estadual, por exemplo, nenhuma vitória foi obtida.

Sobre a sugestão de Simon, Inter e Luxa até chegaram a “namorar” em algumas ocasiões, mas nunca chegou a ocorrer uma negociação de fato. O último trabalho do experiente treinador no Brasil foi no Cruzeiro, em 2015, sem muito destaque. No ano passado, ele foi demitido do Tianjin Quanjian, da segunda divisão da China.