Fora do Mundial Sub-20, CBF considera demissão de Rogério Micale

Rafael Ribeiro/CBF

A posição de Rogério Micale como técnico da Seleção Brasileira Sub-20 está sob perigo. De acordo com o Globoesporte.com, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) estaria considerando a saída do treinador após a campanha no Sul-Americano da categoria, no qual o Brasil não conseguiu uma das vagas no Mundial da Coreia do Sul.

A possível demissão de Micale faria parte de um processo de reformulação das categorias de base pela entidade, iniciado com a demissão do coordenador Erasmo Damiani, cuja saída foi confirmada nesta terça-feira (14).

LEIA MAIS

MAYWEATHER GARANTE QUE LUTA COM MCGREGOR ESTÁ ‘PRÓXIMA’

JOGADORES PROTAGONIZAM PANCADARIA EM TREINO DO BOCA JUNIORS

Já o futuro do atual campeão olímpico masculino de futebol ainda está em discussão. Embora a tendência do presidente da CBF Marco Polo Del Nero seja de demitir o treinador, há também a chance de que o treinador fique e permaneça comandando o time que tentará novamente a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Tóquio-2020.

Com Micale está em Mônaco, onde viu a Seleção Brasileira Olímpica perder o prêmio de melhor time de 2016 para o Chicago Cubs no Prêmio Laureus, a decisão só deve ser tomada assim que o treinador retornar ao Brasil e se encontrar com o presidente da CBF.

Sem a vaga no Mundial Sub-20, a Seleção tentará se concentrar no próximo ciclo, visando iniciar a preparação para os Jogos de Tóquio.