Futebol

Inter decepciona na abertura do ano e torcida elege o primeiro “vilão”

Publicado às

Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Inter

Foto: na

Crédito: Foto: Divulgação/Inter

A rotina de decepções parece não ter terminado em 2016 para a torcida colorada. Não bastasse o inédito rebaixamento na temporada passada, o Inter abriu mal o novo ano e sequer venceu uma partida em três rodadas do Campeonato Gaúcho. É o 10° colocado entre 12 equipes e está a um ponto da zona da degola no próprio campeonato estadual.

A Primeira Liga, por outro lado, surge como atenuante para o momento irregular do clube. Em dois jogos, o Inter fez duas vitórias e encaminhou a classificação à próxima fase. Ainda assim, a torcida colorada segue olhando o time com muita desconfiança e já elegeu o primeiro “vilão” da nova temporada: Roberson.

LEIA MAIS:

Em um lance, D’Alessandro mostrou que está com a habilidade em dia; veja

Entenda como ocorreu a lesão que deve tirar Douglas da Libertadores

Primeiro reforço da temporada, contratado ainda no ano passado, Roberson chegou ao Inter avalizado pelo grande ano de 2016 que teve no Juventude – comandado exatamente por Antônio Carlos Zago, que também desembarcou no Beira-Rio na virada de ano. Mas, até agora, Roberson não conseguiu marcar gols e já começa a ser visado pela torcida. Contra o Caxias, já foi possível ouvir vaias da arquibancada nas intervenções do atacante.

Após a vitória por 1×0 sobre o Fluminense, na última quarta-feira, pela Primeira Liga, Roberson gentilmente atendeu a reportagem do Torcedores.com e destacou que seguiria com “tranquilidade” a busca pelo primeiro gol. Ele também avaliou que não vinha “jogando mal”.

“Acho que não vem prejudicando (ansiedade pelo gol). Foi minha terceira atuação como titular do time, no primeiro jogo contra o Veranópolis pude dar uma assistência para o gol do Rodrigo Dourado e no meu modo de ver não venho jogando mal, mas tá faltando o gol. Atacante precisa de gol, então tenho certeza que vai sair no momento certo e vai dar mais confiança para eu melhorar e ajudar o Inter ainda mais”, destacou, na ocasião.

No novo sistema de jogo montado por Zago, Roberson tem sido o único atacante e vem sendo assessorado pelos meias D’Alessandro e Valdívia. A tendência é que o Inter siga nesse sistema na próxima quarta-feira, quando encara o Princesa de Solimões, em Cascavel, pela Copa do Brasil. Mas, se dependesse da torcida, mudanças ocorreriam no ataque. Vejam: