Futebol

Após classificação, jogadores do Botafogo respondem provocações

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Botafogo

Crédito: Crédito da foto: Satiro Sodré / SS Press / Botafogo

O Botafogo sofreu do primeiro ao último minuto, mas a equipe conseguiu segurar o Colo-Colo fora de casa e, com o empate por 1 a 1, o Glorioso avançou até à próxima fase da Copa Libertadores da América. Com Rodrigo Pimpão marcando no final do segundo tempo, após Emerson Silva fazer contra no início da partida, o Fogão avançou.

Para muitas pessoas, a classificação do Botafogo era algo tido como difícil e, principalmente, improvável, contudo, dentro de campo, após se mostrar instável nos minutos iniciais, o clube da Estrela Solitária se achou no duelo e ficou com a vaga para a próxima fase.

LEIA MAIS:
RESERVA? PIMPÃO CRIA “PROBLEMA” PARA JAIR NO FOGÃO; CONFIRA
JACARÉ DETONA ATUAL CAMPEÃO DO UFC: “PATIFE. É UM FUJÃO E UM FROUXO
PREOCUPA? CAMILO NÃO PARTICIPA DE TREINO DO BOTAFOGO; CONFIRA

Diante de toda essa desconfiança, não foram poucas as provocações que o Glorioso recebeu até a bola rolar. Por isso, após o apito final, alguns atletas não se contiveram e rebateram as ofensas. Confira:

“Muito se falou, falaram que era muita torcida para pouco time. Hoje nós provamos, né? Vamos continuar com essa entrega, essa é a cara do Botafogo. Vamos juntos que vamos conseguir!”, disse Victor Luis à Fox Sports.

“Jogamos com muita garra, e isso é o Botafogo. Chegamos no vestiário e eles pintaram para a gente não conseguir ficar dentro por causa do cheiro muito forte, eu e outros jogadores estamos com dor de cabeça, mas o que vale é dentro de campo. Quinhentos calaram mais de 30 mil, o que falar disso? Eu entro em campo com duas camisas, a da torcida do Botafogo por baixo e a do Botafogo por cima”, disse Rodrigo Pimpão.

“Falaram que iam golear a gente, o Montillo tinha ouvido isso, mas tem que respeitar essa camisa!”, falou Jonas.

Crédito da foto:  Satiro Sodré / SS Press /