DESTAQUE

Mancha Verde detona boicote em aeroporto e garante: “Borja passará por nós”

Publicado às

Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.

Borja Palmeiras

Crédito: Getty Images

Nesta sexta-feira, a GRU Airport, administradora do Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos (SP), divulgou um comunicado para avisar que os torcedores do Palmeiras não poderão encontrar o atacante Borja, grande reforço do clube para 2017.

LEIA TAMBÉM:
Borja mostra vídeo a Mattos em que filho escolhe o Palmeiras; assista
Mauro Beting exalta: “Torcedor do Palmeiras venceu milhões da China por Borja”
Até perfil do Palmeiras nas redes sociais comemorou “chapéu” na China; confira
Palmeiras e Atlético Nacional se acertam e Borja é o novo reforço do Verdão

Em outras palavras, o aeroporto quer evitar aglomeração de torcedores dentro do saguão para receber o jogador. A Mancha Verde, principal uniformizada do clube, assegura que mais de 3 mil pessoas estarão presentes no saguão e detonou a medida da GRU Airport.

Nas redes sociais, a diretoria da torcida organizada questionou o porquê do “boicote” e peitou os administradores. “Desde já, deixamos claro que amanhã a Mancha Verde ESTARÁ PRESENTE no aeroporto, conforme já divulgamos, e GARANTIMOS para todos os palmeirenses que o Borja passará por nós. Querem tentar nos boicotar, mas ninguém vai conseguir”, informa a nota.

O desembarque de Borja em Guarulhos deve acontecer por volta das 6h30 (horário de Brasília), no Portão 3. O diretor de futebol do Verdão, Alexandre Mattos, irá vir junto com o jogador.

Veja o comunicado da Mancha Verde: