DESTAQUE

Marcos Assunção sobre Valdívia no Palmeiras: ‘Quando queria era craque’

Publicado às

Jornalista. Como todo torcedor também gosto de dar meus pitacos. Fã da seleção italiana, do Milan e do Arsenal.

Palmeiras

Crédito: Divulgação/Ag. Palmeiras

Após declarações passadas de muita polêmica sobre Valdívia, Marcos Assunção voltou a falar sobre o ex-companheiro de Palmeiras onde o elogiou, mas com ressalvas. O ex-volante foi o convidado do Resenha ESPN, deste domingo (26), e disse o que achava do ‘Mago’.

Sem pensar duas vezes, Marcos Assunção foi direto quando questionado o que tinha para falar de Valdívia.

“Quando o Valdívia queria, ele era craque. Quando queria. Muitas vezes ele não quis, mas era um cara fora de série”, disse Marcos Assunção, sem revelar se o “quando queria” era muitas vezes ou não. “Isso fica para vocês de fora, vocês viram. Quando ele queria jogar nos treinamentos, nos jogos era um craque de bola. Mas infelizmente nessa época (última passagem) ele não nos ajudou tanto”, finalizou.

As desavenças públicas de Marcos Assunção e Valdívia começaram em 2015, quando na oportunidade o chileno deu entrevista à Folha de S.Paulo e não negou que brigou com o ex-companheiro de Palmeiras em 2012, pois o ex-volante dava entrevista afirmando que jogava no sacrifício sendo que outros jogavam na mesma condição, e assim Assunção sempre saía como quem “estava se matando sozinho”.

Marcos Assunção então rebateu Valdívia e o chamou de “b…”, e afirmou que deu um bateu no chileno. “O cara era um sem-vergonha. Vivia fazendo corpo-mole. O sangue subiu e, quando ele chegou perto, eu dei um soco na cara dele”, respondeu o capitão do Palmeiras na Copa do Brasil de 2012, à Folha de S.Paulo.