DESTAQUE

Opinião: precisamos falar sobre Aubameyang

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Aubameyang

Crédito: Reprodução / Facebook BVB

O Borussia perdeu mais uma partida na temporada, desta vez para o Benfica, em partida válida pelo jogo de ida das oitavas de final da Liga dos Campeões. Neste jogo, Aubameyang perdeu um pênalti e desperdiçou ainda outras duas oportunidades claras de gol.

Para piorar a situação do atacante gabonês, o Borusia vem oscilando muito na Bundesliga. No jogo eliminatório de oitavas de final pela Copa da Alemanha, contra o Hertha Berlim, mais um sufoco: a vaga só veio nas penalidades máximas. De forma curiosa, o time não vem bem quando Aubameyang também não joga como de costume.

LEIA MAIS
“Muralha Amarela” em Dortmund ficará fechada contra o Wolfsburg
ZEBRA! Dortmund perde para o lanterna da Bundesliga

Mas afinal, o que está havendo com Aubameyang?

Tudo começou quando o jogador concedeu entrevista para um veículo de imprensa alemão onde afirmava que, para subir na carreira, precisava sair do Borussia Dortmund. Essa declaração caiu como uma bomba nos bastidores do clube, tanto que Michael Zorc, ex-jogador aurinegro e hoje diretor do clube, pediu publicamente para o jogador se concentrar mais em campo do que em frente aos microfones.

Que o gabonês tem o sonho de defender o Real Madrid um dia – para realizar um desejo de seu avô -, todo mundo sabe. Só não precisa o jogador ficar declarando isso em todos os momentos que um microfone aparece em sua frente. Atual artilheiro da Bundesliga com 17 gols em 19 rodadas, o atacante tem futebol para ajudar a equipe a pelo menos se garantir entre os quatro no torneio nacional e, quiçá conseguir o título da Copa da Alemanha.

Liga dos Campeões, com toda essa instabilidade, fica bem difícil. Impossível, não, claro. Até mesmo o Barcelona levou 4-0 do PSG na tarde desta terça-feira. Mas é evidente analisar as demais equipes e ver que o atual time do Borussia Dortmund está a um passo atrás de alguns como o próprio time francês, do Manchester City, da Juventus, do Real Madrid e, claro, do rival Bayern de Munique.

Mas o que fazer com Aubameyang?

Todo mundo sabe que o gabonês sabe jogar futebol. Os gols perdidos contra o Benfica não costumam acontecer. Das 14 oportunidades claras de gol que o Borussia teve nesta terça, ao menos quatro ou cinco costumam entrar em dias normais. Mas quando a fase é ruim, meus amigos, não tem como.

Aubameyang é craque e merece o respeito do torcedor aurinegro por toda história que possui no clube. Vale lembrar que, enquanto outros já toparam trocar o BVB pelo Bayern de Munique, o gabonês sempre deixou claro que nunca faria isso – e já teve oportunidades. Mas entendo que chegou a hora de Aubameyang esquentar o banco. Isso servirá para ele colocar a cabeça no lugar e ajustar o foco.

Que tal começar colocando Auba no banco já contra o Wolfsburg neste sábado, Thomas Tuchel?

Foto: Reprodução / Facebook BVB