DESTAQUE

Ídolo do Palmeiras, Evair exalta Borja: “Velocista, força física, habilidoso, fazedor de gols”

Publicado às

Estudante do 9º semestre de jornalismo e amante dos esportes, principalmente o bom e velho futebol. Setorista de Atlético-MG e Futebol Feminino.

Borja Evair

Foto: Borja no Palmeiras Evair

Crédito: Arte: Matheus Martins Fontes/Torcedores.com

O colombiano Miguel Borja, que se tornou reforço do Palmeiras após assinar contrato de cinco temporadas (até o final de 2021) com o clube na última quinta-feira, chegou ao Brasil com moral entre os diretores, novos companheiros de elenco, comissão técnica e também com os ídolos, como o ex- atacante Evair, que marcou seu nome na história do Verdão e elogiou o novo contratado.

Na noite de ontem, 11, em rápida entrevista ao programa Troca de Passes, do canal SporTV, o ex- jogador, que marcou 127 gols com a camisa alviverde, destacou as qualidades de Borja, que chega ao clube com características semelhantes a Gabriel Jesus, hoje no Manchester City, da Inglaterra.

LEIA MAIS:

BORJA EXPLICA PORQUE RECUSOU A CHINA E ESCOLHEU JOGAR NO PALMEIRAS

MEIA DO PALMEIRAS ELOGIA BORJA: ‘JOGADOR DE MUITA QUALIDADE, FAZ BASTANTE GOL’

“Borja, o jogador que fez seu nome em cima dos times brasileiros. Velocista, força física, habilidoso, fazedor de gols. Acredito eu que é uma grande contratação para o Palmeiras. Apesar do Palmeiras ter inúmeros jogadores nesta função. Mas acabou de sair um velocista, e havia a necessidade de um jogador com essa qualidade”.

Os feitos recentes do ex- atacante do Atlético Nacional contra equipes do país, relembrados por Evair, aconteceram contra o São Paulo e Coritiba, em confrontos válidos pelas duas principais competições do continente sul-americano.

Na Libertadores, Borja foi algoz do Tricolor Paulista, marcando quatro gols em duas partidas e sendo o principal responsável pela eliminação do rival do Palmeiras na semifinal competição. Já na Sul-Americana, a vítima foi o Coxa, que, também na semifinal, sofreu outros quatro tentos do novo reforço palmeirense, com direito a um hat-trick (três gols) na partida de volta, que aconteceu no Atanasio Girardot, casa do Atlético Nacional.

A estreia do colombiano, tão esperada pela massa alviverde, também é aguarda por Evair, que espera uma rápida adaptação de Borja ao futebol disputado no país.

“Vamos esperar que ele se adapte o mais rápido possível ao futebol brasileiro e possa estrear o mais rápido possível, dando alegria aos torcedores do Palmeiras”.

Na manhã de ontem, após ser recepcionado por muitos torcedores no aeroporto de Guarulhos, Borja foi ‘entregue’ como um presente pelo diretor Alexandre Mattos ao técnico Eduardo Baptista. Clique aqui e confira o primeiro contato entre o atacante e o treinador.