“Nada pode ser mais…Não tem Champions, não tem nada” diz Tite sobre seleção

Tite comparou a seleção brasileira a Champions League e a liga europeia saiu perdendo. Para o treinador, nada se compara a treinar o Brasil e nem pode ter mais relevância em sua carreira.

Ao falar para o Esporte Interativo sobre sair do Brasil e ser técnico na Europa, o técnico afirmou que nem mesmo uma Champions League, principal competição entre clubes do continente, pode ser comparada ao seu atual cargo.

Além de expressar orgulho e muito apreço pelo trabalho que vem fazendo dentro da seleção, demonstrou que este é o trabalho de sua carreira e não pretende deixá-lo tão cedo.

Não consigo dimensionar isso. Tenho muito orgulho de ser técnico da seleção e nada pode ser mais do que ser técnico da seleção brasileira. Não tem Champions, não tem nada

O Brasil também passou por uma troca intensa em seu comando antes da chegada de Tite e sente agora o alívio de ver que tem uma seleção sendo formada e um técnico com condições de manter seu trabalho a longo prazo, não só por um curto período, o que bom para os jogadores e para os torcedores.

A nova seleção está sendo formada com suas particularidades e também com a cara do treinador, que já mostrou sua personalidade com um ótimo trabalho no Corinthians e jogadores novos que tem motivos para confiar que a equipe está em boas mãos e a segurança necessária para entrar em campo e defender a camisa verde e amarela, mesmo sendo formada em sua maior parte por jogadores jovens.