DESTAQUE

Raio-X: Veja o comparativo entre os cruzeirenses Ábila e Sóbis

Publicado às

Foi editor do semanário BolanoBarbante, apaixonado por esportes, entusiasta das corridas de rua e dos jogos de tênis.

Crédito: Washington Alves/Light Press/Cruzeiro

Diferente da temporada passada, este ano o Cruzeiro reforçou bem o elenco e assim, vários setores do plantel passaram a ter uma disputa intensa pela titularidade, como é o caso do ataque e as ótimas atuações de Rafael Sóbis e também de Ramon Ábila, que estão mostrando serviço desde os amistosos de pré-temporada.

No momento, Sóbis tem ganho a disputa, já que desde o final do Brasileirão de 2016, o técnico Mano Menezes tem preferido escalar o atacante de forma mais centralizada. Além disso, é fato, que com essa nova função, Sóbis está a rendendo mais em campo.Porém, quando o técnico faz a opção por Ábila, o ex-camisa 50 e agora atual 9, também está correspondendo, fazendo gols e aproveitando bem as oportunidades.

LEIA MAIS:
PRETERIDO POR MANO, CRUZEIRO CONFIRMA A SAÍDA DE GINO PARA O SANTA CRUZ
DOS 12 GRANDES, APENAS CINCO APARECEM ENTRE OS QUE MAIS FIDELIZARAM SÓCIOS EM 2017
CONFIRA OS NÚMEROS DO CRUZEIRO EM TODA SUA TRAJETÓRIA NA COPA DO BRASIL

Para ajudar nesta boa “dor de cabeça” de Mano Menezes, o portal “Torcedores.com” levantou alguns dados dos atletas junto ao banco de dados do Footstats, analisando alguns dos quesitos mais importantes para o um atacante, como gols, finalizações, assistência para gols e por último, assistências para finalizações.

Pelo Campeonato Mineiro, tanto Sóbis, quanto Ábila, possuem dois gols, sendo que para marcar os tentos, enquanto Rafael Sóbis precisou de 4 finalizações, Ramón Ábila deixou sua marca com apenas duas, mostrando sua melhor característica: fazer gols.

Por outro lado, quando analisamos os quesitos assistência para gols e para finalizações, Sóbis leva ampla vantagem sobre o seu companheiro. São uma e cinco assistências, respectivamente, contra nenhum do argentino. A vantagem nestes aspectos podem estar ligadas ao fato que Sóbis, mesmo quando está jogando centralizado, possui maior qualidade de movimentação, enquanto Ábila tem como principal característica a finalização, como um verdadeiro centroavante.

Na Primeira Liga os números também são bastante parelhos, mas com uma pequena vantagem para Ábila, que possui dois gols em duas finalizações, enquanto Sóbis pontua apenas no quesito finalizações, com três.