DESTAQUE

Brasileiro ex-Santos poderá defender seleção italiana após liberação da Fifa

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Santos

Crédito: Foto: Reprodução/ Facebook oficial da AS Roma

Na manhã desta quarta-feira (29), a Fifa liberou oficialmente mais um atleta brasileiro à defender a seleção de outro país. Dessa vez, é o lateral esquerdo ex-Santos, Emerson Palmieri.

O jogador que está atualmente na Roma, estava com um processo de naturalização italiana em andamento na entidade máxima do futebol, e aguardava apenas o aval para que entrasse na lista do técnico da seleção italiana de possíveis convocados.

LEIA MAIS:
Peixe pode ter dois desfalques importantes por cartões na próxima fase do Paulistão

Emerson começou sua carreira nas categorias de base do Santos, no ano de 2009, aos 15 anos de idade, e foi promovido ao time principal em 2012, mas até o ano seguinte ainda atuava pelo sub-20 do Peixe. Em 2013 foi campeão da Copa São Paulo, ganhou a confiança da comissão técnica e começou a ganhar mais espaço.

Porém, não conseguiu uma sequência de jogos que o firmassem no clube da baixada santista, e em 2014, foi emprestado ao Palermo. Depois de um ano retornou ao Santos, mas mais uma vez, no mês seguinte, voltou á Itália, inicialmente por empréstimo ao Roma, mas acabou sendo opção de compra do clube.

Emerson também chegou a defender a seleção brasileira em categorias inferiores, já que era um dos destaques do Santos. No entanto, preferiu a seleção italiana, e a Federação do país conseguiu comprovar as raízes italianas do jogador, que conseguiu o passaporte do país em 2015.

O lateral se junta a outros três jogadores nascidos no Brasil que defendem a Itália, Thiago Motta, Jorginho e Eder.