Vozes da marca

Jogador se recusa a cobrar pênalti marcado indevidamente e dá exemplo de fair play

Publicado às

Colaborador do Torcedores

Crédito: Reprodução Twitter Monarcas Morelia

O jogo amistoso entre América-MEX x Monarcas Morelia realizado na Califórnia, no domingo (26), tinha tudo para ficar marcado como mais um erro de arbitragem, mas graças ao jogador Luis Gabriel Rey, a repercussão está sendo outra e o fair play tomou conta dos comentários sobre o jogo.

Aos 32 minutos do primeiro tempo, Gastón Lezcano do América chutou e a bola atingiu as costas do brasileiro William, mas o árbitro viu mão do jogador e marcou a penalidade. Foi aí que o atacante colombiano Rey apareceu para mostrar que a honestidade existe e pode fazer parte do futebol.

LEIA MAIS:
FAIR PLAY: MESMO PERDENDO, JOGADOR DIZ QUE NÃO SOFREU FALTA NA ALEMANHA
FAIR PLAY: JOGADOR DIZ QUE TROPEÇOU E JUIZ ANULA PÊNALTI MARCADO; VEJA
APÓS CHAPE CAMPEÃ, CONMEBOL DÁ O TÍTULO DE FAIR PLAY AO ATLÉTICO NACIONAL

O Morelia perdia a partida por 1 a 0, quando o jogador se recusou de cobrar a penalidade marcada por não concordar com o erro da arbitragem. A atitude do colombiano fez com que o árbitro mudasse de ideia anulando a marcação do penal.

Sem a cobrança, o Morelia não chegou perto do gol adversário e perdeu a partida por 2 a 0. Mas engana-se quem pensa que o clube foi contra a atitude de Rey. Pelo Twitter, o clube parabenizou a atitude do atacante com a frase “Rey, dando o exemplo de Fair Play como um verdadeiro monarca” fazendo alusão ao nome do clube e do jogador.

O protagonista do episódio encarou como uma atitude normal e justificou dizendo “A honestidade está acima de qualquer coisa”.

Já pensou se Rey fosse jogador do seu clube do coração? Você aplaudiria a honestidade do atleta?

A Cruz Vermelha Brasileira, fundada há 108 anos é uma associação civil sem fins lucrativos, filantrópica e independente. Nossa missão é atenuar o sofrimento humano.