Galvão exalta torcida do Flamengo e diz que Maracanã é casa rubro-negra

Após campanha da torcida do Flamengo, a Rede Globo acabou escalando Galvão Bueno para narrar a estréia rubro-negra na Taça Libertadores. Após a equipe carioca golear o San Lorenzo, da Argentina, por 4 a 0, o narrador fez questão de elogiar a torcida que compareceu ao Maracanã.

Allan Abi Madi
Colunista do Torcedores.com.

Crédito: Reprodução / SporTV

LEIA MAIS:
Leandro Damião trata hat trick como normal e deixa saída do Flamengo em aberto  
Destaque do Brasileirão revela que sua primeira opção era jogar no Fla
Flamengo renova contrato com mais um jogador do elenco
Zé Ricardo se anima com a evolução física de Conca e Ederson no Fla; veja

Conheça a 1xBet:

Um novo jeito de fazer sua aposta esportiva!

– Chegou um momento (no primeiro tempo) em que a torcida estava melhor que o time. Falei na transmissão: “Está mais importante que o time”. Tentou carregar a equipe. Por mais novo que o jogador seja no Flamengo, ele pode estar na primeira temporada, estar fazendo o primeiro jogo, quando ele vem jogar no Maracanã lotado por essa torcida, com esse entusiasmo, é diferente – afirmou no programa Troca de passes, do SporTv.

 .

Flamengo

Reprodução / SporTV

.

O Flamengo teve que correr contra o tempo para poder atuar no Maracanã, já que o estádio sofreu furtos e depredações nos últimos meses. Galvão elogiou o esforço feito pela diretoria do clube para que o time pudesse estrear no estádio, que considera “a casa rubro-negra.”

– O Maracanã sempre foi a casa do Flamengo. Desde que existe. O Flamengo fez um esforço desde o dia 22 para recuperar, na medida do possível, o Maracanã. Vê que o campo estava ruim. A partir de agora, o estádio volta a ficar sem dono. Alguém tem que tomar uma atitude para que o Maracanã possa ser a casa do futebol carioca. E do futebol mundial. É um patrimônio do futebol mundial.

O narrador destacou ainda a presença da família nas arquibancadas.

– Bonito ver as crianças. Uma menininha no colo da mãe, um menininho nos ombros do pai. A família (no estádio). Isso é o esporte. Em um momento tão difícil do mundo, de tanta violência, em um momento tão difícil do país, com tanta roubalheira, tanta corrupção, tanta violência na cidade do Rio de Janeiro, o esporte pode sim dar uma lição de cidadania e comportamento. Foi muito bonito ver as famílias no Maracanã.

.

Fotos: Staff Image / Flamengo

Fotos: Staff Image / Flamengo

.

Confira a crônica da estréia do Fla na Libertadores: Flamengo x San Lorenzo: Em terra de Cristo, Papa não faz milagre.

Por fim, Galvão ressaltou a importante vitória do Fla por 4 a 0, inclusive pela questão de saldo de gols, que pode ser importante para desempate no grupo considerado um dos mais difíceis da competição.

– O Flamengo fez a lição de casa muito bem feita, porque o grupo é duríssimo. Talvez o mais difícil (da Libertadores). O Flamengo sai com três pontos, quatro gols de saldo, vai com um pouco mais tranquilidade para jogar em Santiago.

Reveja os gols da goleada do Fla na narração de Galvão Bueno:

.

.

Após o time reserva vencer a Portuguesa-RJ por 5 a 1 na estréia da Taça Rio, o Flamengo volta a jogar na próxima quarta-feira contra a Universidad Católica, do Chile, pela fase de grupos da Taça Libertadores, no Estádio San Carlos de Apoquindo. Pelo Carioca, o Resende será o próximo adversário no próximo sábado, no Raulino de Oliveira.

LEIA TAMBÉM: Veja para quais clubes foram os jogadores emprestados pelo Fla em 2017.

Fique por dentro de TODAS as novidades do Rubro-Negro: Tem novidade na Gávea! Veja 10 notícias do Fla bombando na web.

CONFIRA AINDA ALGUNS ESPECIAIS FEITOS PELO TORCEDORES.COM:
Fla divulga inscritos na Libertadores com Diego de 10 e Ederson com a 7 
Veja para quais clubes foram os jogadores emprestados pelo Flamengo em 2017
LEMBRA DE TODOS? Berrío se junta aos mais de 20 estrangeiros do Fla no século; veja
Flamengo contratou estrangeiros com bagagem de títulos importantes para 2017
Veja até quando vai o contrato dos jogadores do Flamengo

Foto: Divulgação

Curtiu essa matéria? Siga o autor no Twitter: Allan Abi Madi – @AllanMadi