Futebol

Guerrero acaba “com caô”, lidera vitória do Peru e põe Brasil na Copa de 2018

Publicado às

Esportista de hobby, mas jornalista de profissão. Trabalhou como repórter do O Estado de S. Paulo, Revista TÊNIS. Tênis Virtual e CurtaTÊNIS em coberturas nacionais e internacionais de grandes eventos.

Crédito: Reprodução/Twitter

O Brasil foi confirmado, na madrugada desta quarta-feira, como primeira seleção – além da anfitriã Rússia – a garantir vaga na Copa do Mundo de 2018. Após vencer o Paraguai por 3 a 0, na Arena Corinthians, a equipe comandada por Tite contou com ajudinha de Paolo Guerrero e os peruanos, que derrotaram o Uruguai por 2 a 1, em Lima, para carimbar o passaporte para seu 21º Mundial, a única com lugar em todas as edições organizadas pela Fifa na história.

LEIA TAMBÉM:
Borja brilha e dá assistência de “trivela” para gol de James Rodríguez; veja lance
Olha ele aí! Armero rebola legal em comemoração de gol da Colômbia; assista

Precisando vencer para seguir com chances de disputar a Copa da Rússia, a seleção peruana precisava se mandar para o ataque, porém foi surpreendida pelo Uruguai de Luis Suárez. O atacante do Barcelona participou de jogada direta aos 29 minutos do primeiro tempo para o gol de Carlos Sánchez.

Apoiados pelo ótimo público no Estádio Nacional, os peruanos pressionaram a Celeste e empataram com gol com a nova cara do Flamengo. O lateral-esquerdo Trauco deu longo lançamento para Guerrero, que ganhou na marra de Godín e chutou de pé direito no canto de Muslera.

No segundo tempo, a equipe de Ricardo Gareca virou o marcador com Flores. Após tabela pelo lado direito, Carrillo cruzou e Guerrero, praticamente de pivô, escorou para Flores fuzilar no canto esquerdo. Sem chances para o goleiro uruguaio.

Mesmo com um jogador a mais – expulsão do uruguaio Urretaviscaya -, o Peru quase foi castigado no fim, quando Godín acertou uma cabeçada na trave.

Com o triunfo em casa, o Peru chegou aos 18 pontos na tabela, na sétima posição, ainda sonhando com uma vaga no Mundial. A Argentina, quinta colocada, soma 22 pontos, na zona da repescagem.

Veja a bela atuação de Guerrero na vitória do Peru: