Futebol

Thiago Neves fala sobre Seleção Brasileira e sonho de ser ídolo no Cruzeiro

Publicado às

Radialista, Jornalista com passagens como correspondente pelo site italiano CalcioNews24.com e pelo Arena Rubro-Negra. Atualmente setorista do Fluminense e Futebol Sul-Americano no Torcedores.com

Thiago Neves

Crédito: Divulgação/Site Oficial do Cruzeiro

Durante entrevista ao site “Super Esportes“, o meia-atacante Thiago Neves falou sobre Seleção Brasileira e diz que pensa muito pouco em voltar a vestir a camisa amarelinha. Para o meia celeste, seu foco é outro e quer corresponder as expectativas no Cruzeiro.

“Muito pouco. Claro que se tiver a chance de ir, eu vou. Mas fica muito difícil, até pela qualidade dos jogadores que tem lá, sobretudo no meio-campo. Mas se tiver jogando bem aqui, a oportunidade pode aparecer. Mas o foco hoje não é a Seleção”, diz.

LEIA MAIS:
VASCO FICA PRÓXIMO DE RENOVAR COM ATACANTE ATÉ O FIM DE 2020
CONFIRA COMO FICA A CLASSIFICAÇÃO ATUALIZADA DO CRUZEIRO NO CAMPEONATO MINEIRO
UBERLÂNDIA X CRUZEIRO: SAIBA O QUE ESTÁ EM JOGO

Thiago Neves falou quais são os projetos no Cruzeiro, além de enaltecer seu sonho em virar ídolo do da torcida cruzeirense. O meia-atacante celeste diz que o clube está no caminho certo, classificado na Primeira Liga e próximo de jogar a próxima fase do Campeonato Mineiro.

“O importante é começar bem o ano e ganhar o Campeonato Mineiro. Também tem a Primeira Liga, que é importante se a gente ganhar. Mas os focos são o Campeonato Brasileiro e a Sul-Americana, pois esses títulos que vão colocar o nome do Cruzeiro lá em cima, até mesmo na América (do Sul). É isso que a gente quer e a sabemos que temos condições para isso. Estamos no caminho certo no Campeonato Mineiro e já nos classificamos na Primeira Liga. É ganhar um dos dois e ver o que acontecerá mais à frente”, completou.

Thiago Neves falou sobre a recepção do torcedor em Belo Horizonte: “O legal é isso, é que todo mundo incentiva, diz que me queria no time dele, fala que sou bom jogador, me dá boa sorte. Isso ocorreu em todos os clubes. As pessoas pedem para tirar foto também. É bem legal”, completou