Futebol

Tite explica comemoração em gol do Corinthians na Arena: “Sou um ser humano”

Publicado às

Jornalista com passagens pelo Portal R7, Jornal do Trem, Impacto Comunicação, Dialoog Comunicação e Comunicale.

Crédito: Créditos: Lucas Figueiredo/CBF

O técnico Tite esteve presente no clássico vencido pelo Corinthians sobre o Santos, por 1 a 0, no início de maio, e gerou polêmica ao ser flagrado comemorando efusivamente o gol do corintiano Jô.

Em entrevista coletiva da seleção, o treinador foi questionado sobre o assunto, disse entender todas as opiniões, mas destacou ter tido um gesto humano com o clube que o projetou para o cenário nacional do futebol. Inclusive, após a polêmica, ele revelou ligações a Modesto Roma e Dorival Júnior, presidente e técnico do Santos, respectivamente, para se desculpar.

LEIA MAIS
MENSAGEM DE TITE A TORCIDA DO CORINTHIANS VAI FAZER VOCÊ CHORAR; ASSISTA
CORINTHIANS USA APELIDO DE MAICON EM JÔ PARA IRONIZAR O SÃO PAULO NA WEB; VEJA
MAICON NEGA IMITAÇÃO DE GALINHA EM GOL E DETONA KAZIM: “BABACA”
DENTINHO COMENTA EMPATE DO CORINTHIANS COM ALFINETADA NA ARBITRAGEM

Eu respeito todas as opiniões, todas. Apenas explico: eu sou ser humano. Que tem emoções e gratidão. Tenho gratidão ao Corinthians e a essas pessoas (do camarote). Se fosse o Santos, eu faria exatamente a mesma coisa. Liguei ao presidente do Santos me desculpando, dizendo para interpretar como um ato humano, não como máquina. Também liguei para o Dorival Júnior pedindo que me entendesse e desculpasse“, afirmou o técnico, campeão Brasileiro, da Libertadores e do Mundial, entre outros títulos, pelo Corinthians.

Em três passagens pelo Corinthians (2004/2005, 2010/2013 e 2015/2016), Tite esteve à frente do comando do Timão em 378 jogos. Essa marca o coloca como o segundo técnico com mais jogos na história alvinegra, atrás apenas de Oswaldo Brandão.

Tantos jogos renderam seis taças a Tite pelo Corinthians, que o transformou no treinador com mais títulos pelo Alvinegro da história. O comandante conquistou o Brasileirão por duas vezes (2011 e 2015), uma Libertadores (2012), um Mundial de Clubes da FIFA (2012), uma Recopa Sul-Americana (2013) e um Campeonato Paulista (2013).

Assista ao vídeo de Tite comemorando o gol: