Futebol

Volante do Inter diz que não assiste jogos do Grêmio: “Não acompanho”

Publicado às

Jornalista formado pela PUCRS em agosto de 2014. Dupla Gre-Nal.

Inter

Foto: Inter

Crédito: Crédito da foto: Divulgação/Ricardo Duarte/Internacional

O ano de 2017 começou diferente para Rodrigo Dourado. Formado nas categorias de base do clube e titular do Inter desde a era Diego Aguirre, em 2015, o volante ganhou posições na hierarquia colorada e agora é o vice-capitão da equipe, assumindo o posto nas ausências de D’Alessandro. E o crescimento de patamar no elenco veio acompanhado de uma boa dose de confiança. Em entrevista coletiva nesta terça, ele elogiou o momento do Inter e disse que não vê os jogos do Grêmio.

O tema entrou na coletiva quando um jornalista perguntou a Dourado sobre a recente fase do equatoriano Miller Bolaños, destaque do Grêmio no início da temporada de 2017. Com três gols, o atacante divide a artilharia do Gauchão com João Paulo, do Novo Hamburgo, e Fidélis, do São Paulo. Mas a boa fase de Bolaños não tira o sono de Rodrigo Dourado, que admite que não vê os jogos do rival.

“Não acompanho jogo do Grêmio. Só fico sabendo dos gols. Não vejo jogos do Grêmio. Esperaremos o Maurício (Dulac, auxiliar técnico) e o professor (Antônio Carlos Zago) passar os vídeos”, confessa o volante.

De olho no clássico do próximo sábado, na Arena, também pelo Gauchão, Dourado acredita que o conjunto do Inter pode ser o diferencial para a partida. Ele lembrou que o time vem de três vitórias consecutivas, o que dá moral para projetar o clássico em alto nível – o Inter venceu o Oeste por 4×1, na quarta-feira, o Criciúma, por 3×1, na quinta e o Brasil de Pelotas, por 1×0, no sábado.

“Nosso time está bem. Estamos vindo de três vitórias seguidas. Existia uma cobrança maior por não termos vencido no Gauchão. Foi um jogo bom e conseguimos a vitória, que nos dá tranquilidade para pensar no clássico”, declarou Dourado.

O volante ainda rapidamente falou sobre o clássico do ano passado, quando acabou expulso ao se envolver com confusão com o lateral Edílson. Dourado garante que esqueceu o que ocorreu e que só está pensando no próximo clássico. Grêmio e Inter fazem o primeiro Gre-Nal do ano no próximo sábado, às 18h30, na Arena.